Notícias Maia

Bial começa a vender primeiro medicamento português nos EUA

Partilhas

O Zebinix, usado no tratamento da epilepsia, começa hoje a ser vendido nas farmácias norte-americanas, cinco meses depois de ter sido aprovado pelo regulador dos EUA, revelou hoje a Bial, farmacêutica portuguesa que desenvolveu o medicamento.

O mercado dos EUA representa cerca de 50% das vendas mundiais de anti-epilépticos, valendo mais de 2,5 mil milhões de dólares.

Para António Portela, o início da comercialização do medicamento nos EUA representa um marco na história de 90 anos da Bial. “No mês em que fazemos 90 anos, é o culminar do trabalho de aposta na inovação, desenvolvimento tecnológico e de internacionalização dos últimos 20 anos”, referiu o CEO da farmacêutica sediada na Maia.

“O mercado norte-americano é ‘o’ mercado. Vem reforçar a nossa estratégia de crescimento nos mercados externos”, acrescentou o responsável.

O anti-epiléptico já tinha sido aprovado em 2009 na Europa, onde se encontra à venda desde 2010, incluindo Portugal. Mas só hoje transpôs o Atlântico, sendo comercializado sob a designação de Aptiom pela empresa Sunovion, a parceira comercial da Bial no mercado americano.

O Zebinix, que representa 15 anos de investigação e mais de 300 milhões de euros de investimento, é comercializado em mais de 50 países, incluindo Espanha, Reino Unido, Alemanha, França e, agora, EUA.

Fonte: economico.sapo.pt

COMENTE

Partilhas
Top