Empresários pedem na Maia apoio na expansão para mercados emergentes

Cerca de 50 empresários pediram hoje ao secretário de Estado dos Negócios Estrangeiros e Cooperação apoio na expansão para os mercados emergentes, num encontro promovido pelos deputados do Porto do PSD.

Numa reunião no Parque Tecnológico da Maia com Luís Campos Ferreira, os empresários “colocaram de forma informal os seus problemas, que têm sobretudo a ver com o envolvimento e expansão para os mercados emergentes, nomeadamente o Brasil, a Venezuela e os mercados árabes”, disse Emília Santos, coordenadora dos deputados do PSD do Porto.

A parlamentar social-democrata explicou que a reunião ajudou a que percebessem “como funcionam as embaixadas e de que forma os consulados poderão ser facilitadores da expansão para esses mercados emergentes”.

Nesse sentido, descreveu o deputado Virgílio Macedo, líder da distrital do PSD/Porto, também “o secretário de Estado [Luís Campos Ferreira] disponibilizou-se para ser um agente cooperante junto dos empresários que tenham dificuldades no seu trabalho do dia-a-dia, junto de mercados externos”.

“Os empresários estão na primeira linha da recuperação e da mudança de paradigma da economia e estão empenhados em continuar a fazer os seus investimentos, em continuar a exportar para diversificar os mercados”, vincou o líder da estrutura distrital dos sociais-democratas do Porto.

Já Bragança Fernandes, presidente da Câmara Municipal da Maia, recordou que o seu concelho “tem a maior zona industrial do país, bem como o maior parque tecnológico”.

“Tem cerca de 30 mil empresas e 4% do PIB do país é produzido aqui na Maia”, frisou.

Fonte: portocanal.sapo.pt

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *