Grupo Peugeot-Citroën instala centro de serviços na Maia

PSA na Maia

Bragança Fernandes conseguiu convencer o Grupo Peugeot-Citroën (PSA) a instalar na Maia um centro de serviços de contabilidade da companhia para o Sul da Europa e Norte de África, onde emprega 120 pessoas.

O objetivo inicial do presidente da câmara era que o Grupo Peugeot-Citroën (PSA) investisse na Maia os 48 milhões que vão custar a fábrica que vai instalar em Mangualde. Mas Bragança Fernandes conseguiu convencer a PSA a centralizar nesta cidade parte da área de conferência de faturas do grupo.

O Grupo Peugeot-Citroën (PSA), que vai investir mais 48 milhões de euros na sua fábrica em Mangualde, nunca cedeu ao sonho do presidente da Câmara Municipal da Maia de ver a construtora automóvel francesa abrir uma fábrica no seu concelho. Mas Bragança Fernandes conseguiu convencer a PSA a centralizar nesta cidade parte da área de conferência de facturas do grupo.

Contactada a PSA Portugal, fonte oficial confirmou uma informação que nunca foi publicamente comunicada: o grupo francês instalou num edifício situado no centro da Maia, junto aos paços do concelho, um “centro de serviços partilhados, que emprega actualmente 120 colaboradores”.

O grupo francês instalou-se num edifício situado no centro da Maia, junto aos paços do concelho, mantendo um centro de serviços partilhados, que emprega atualmente 120 colaboradores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *