Maia constrói maior Skate Parque da Zona Norte

Estrutura está a ser construída no espaço da Cidade Desportiva da Maia, terá dois mil metros quadrados de área  e abre em setembro, altura em que recebe a final do circuito nacional de skate.

A Câmara Municipal da Maia está a proceder à requalificação dos 100 mil metros quadrados da Cidade Desportiva, com o objetivo de abrir ainda mais o espaço à população. É neste espaço, onde já existe o estádio com pista de atletismo, o complexo municipal de ténis e de ginástica desportiva e o pavilhão gimnodesportivo, que vai surgir um Skate Parque de nível internacional, para além de áreas ajardinadas, percursos pedonais, um lago e uma esplanada, permitindo à população conciliar a prática do desporto com o lazer.

O equipamento vai permitir a utilização em simultâneo por 75 a 100 pessoas, incluindo vários obstáculos desenhados para simular elementos urbanos, como escadas, muretes, corrimões, com abrangência para diferentes níveis de skaters, havendo espaço para principiantes assim como profissionais.

Foram cerca de 2500 praticantes que em 2016 utilizaram o Skate Parque existente nas traseiras da Câmara Municipal da Maia, junto ao Fórum da Maia e que, em breve, poderão usufruir de um espaço de vanguarda neste desporto.

8 comments

  1. Manuel

    Ao lado , a zero metros , encontram-se os campo de ténis do complexo municipal de ténis da Maia …
    Como é possível juntar um deporto ruidoso a zero metros de outro onde é exigido silencio para a pratica do mesmo ?
    Note-se , que os campos de ténis são usados para aluguer e aulas , quem paga o aluger ou aulas nesse espaço , vai ter um serviço vergonhoso , só porque as “mentes brilhantes” da Camara municipal da Maia que elaboraram e aprovaram este projecto , são apenas gente que nada percebe de desporto … Pensam que uma mesa cheia é que é uma mesa boa !
    Note-se que a prática de skate ou outro desporto radical aliado a este parque , serão desportos com os mesmo nivel de direitos e regalias que qualquer outro , mas não se conjugam lado a lado para uma boa prática de um deles ( sendo que o que já lá estava terá que pagar o aluguer do espaço para usufruir ) .

  2. Eduardo Vieira

    O que faz a campanha eleitoral para as autárquicas!!!
    Só não falam dos milhões que se gastaram a fazer uma piscina que nuca chegou a sê-lo, nos milhões gastos a demolir a quase piscina, e agora nos milhões para aproveitar o buraco deixado por aquilo que nunca chegou a ser piscina…
    Paga Zé, e não bufes.

  3. Domingos Silva

    E uma vergonha os comentários racistas em relação ao ténis que se vê,o que se passa para tanta burrice o que está em causa é o local escolhido ninguém está contra o skate como essas virgens ofendidas que aqui responderam revejam os gastos em obras que todos nós pagamos para no mesmo local serem criadas umas piscinas e depois de enterrar o nosso dinheiro e ir algum para os bolsos de alguns iluminados que fazem parte do sistema.
    Isso sim deviam falar e perguntar para onde foi esse dinheiro
    Agora estarem atacar o desporto seja ele qual for não faz sentido
    Sejam mais atentos aos dinheiros públicos onde são utilizados e para onde vão e deixem de ser tão pobres de espírito.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *