JOAQUIM ARMINDO - Opinião - Notícias Maia

“Passeando na Maia”

1.- por meio das redes sociais vim a saber que numa das listas determinado nome não acontece. fiquei bastante admirado. e boquiaberto. agora é possível a francisco vieira de carvalho vencer as eleições autárquicas. um nome pode fazer toda a diferença. porque a tonalidade fere os ouvidos. lembro-me que há alguns anos um acordo entre duas fações do partido era possível se eu não fizesse parte da lista. o meu e o de pinho gonçalves. selou-se o acordo. fizeram-se as pazes. concorreram. a maior derrota de sempre. certamente não foi pelo meu nome ter sido retirado. mas porque existia um nome na lista. que era o candidato. exemplo é que pinho gonçalves ganhou em vila nova da telha folgadamente. o povo não é estupido. por isso sabe escolher o que não quer. poderá não saber muito bem o que quer. eu sou povo e às vezes não sei bem o que quero. mas creio saber o que não quero. há nomes que ficam nos ouvidos. por isto ou por aquilo. quando não se quer sabemos bem porque. assim é o povo. que escuta e olha. vê e sabe o valor do sabor. mesmo que se trate de nomes. ou sobretudo que se trate de nomes. mesmo que sejam apelidos.

2.- tenha a maior admiração por josé manuel correia. e o maior respeito. e a maior amizade. ele sabe disso. aqui mesmo fiz referência disso. o amanhã da criança é uma sua ideia. o seu maior amor na vida. quem ganha com isso. as populações. ele continua firme ao leme da associação. a quem deu o ser. foi deputado municipal. de freguesia. creio. vereador da camara. sei que nunca lhe importaram as senhas. sei que foi um desprendido por essas coisas.
interessa-lhe sobretudo que as pessoas estejam bem. o zé manel como lhe chamamos é assim. não me interessa muito que ele tenha sido um dos que realizaram o acordo que me colocava de fora das listas. tenho a certeza que nem ao pinho gonçalves lhe interessa isso. talvez tenha sido um favor que me fez. e não será nunca por tal que deixarei a amizade que lhe tenho. é assim a vida. fez um acordo com quem agora rejeita. para mim tal não conta. interessa é o zé manel que conheço. e a esse a amizade sempre perdura.

3.- josé nntónio andrade ferreira é o meu médico. de sempre. a amizade que me liga ao médico é infinita. sei que não é um “moralista”. como alguns querem fazer crer. vertical e seguro de tudo o que faz. deputado de freguesia. deputado municipal. poderia ser tudo em política. não quis. apenas servir por este meio as pessoas. com quem lida. já aqui o disse e torno a dizer. não me interessa nada que tenha estado no tal acordo. creio que por intermédio
do zé manel. às vezes engano-me. mas creio que foi isso. a andrade ferreira interessa-lhe as pessoas. por isso é médico. por isso é político não profissional. quer lá saber dos lugares. tratar andrade ferreira como tenho lido é injusto. sei da sua luta. da sua vida. da sua dedicação. entrega-se. dá-se. não é comum encontrar destes homens.

4.- francisco vieira de carvalho será o presidente certo para a maia. por isso aplaudi a sua candidatura. e aplaudo. ele vive para a maia. cresceu na maia. outros também cresceram. é certo. neste momento a ser eleito seria um vento renovado na maia. não vale a pena atirar pedras contra outros. todos na vida optam. Em alguns momentos. o francisco consegue um facto iniludível. viver a maia de forma ontológica. isso é muito bom. para quê discussões
laterais. chamar nomes feios. francisco vieira de carvalho é o nome certo.

Joaquim Armindo

Doutorando em Ecologia e Saúde Ambiental

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *