PSD Porto vai a votos hoje, com duas candidaturas, 17 anos depois

Os militantes do Partido Social Democrata do distrito do Porto decidem hoje quem ficará à frente da sua distrital.

Frente-a-frente estarão Virgílio Macedo, deputado à Assembleia da República e atual líder do PSD Porto e Celso Ferreira, Presidente da Concelhia e da Câmara Municipal de Paredes.

Na Maia, a lista A, encabeçada por Virgílio Macedo, com o mote “Acima de tudo as Pessoas”, conta com a presença dos maiatos Joaquim Marques Gonçalves (candidato a Tesoureiro), Emília Santos (membro do Secretariado Feminino Distrital) e António Oliveira e Silva (membro do Conselho Distrital para o Território). Quanto à lista B, encabeçada por Celso Ferreira sob o lema “Coragem de Mudar; Dar voz à Distrital”, conta com os maiatos Orlando Leal (candidato a Secretário-Geral Adjunto) e Nuno Monteiro (candidato a Vogal).

António Bragança Fernandes, Presidente da Mesa da Assembleia de Secção do PSD Maia encabeça a lista maiata de Delegados à Assembleia Distrital, órgão poderá vir a ser presidido por Sérgio Humberto, Presidente da Câmara Municipal da Trofa, candidato pela lista A ou por António Tavares, CEO do Tecmaia, candidato pela Lista B.

Na comunicação aos eleitores Virgílio Macedo refere que o objetivo da sua candidatura é “unir o PSD do distrito do Porto e sermos um estrutura determinante para vencermos as eleições legislativas no próximo ano”

Já segundo Celso Ferreira refere que é urgente dar “ voz à Distrital e às pessoas que têm sido esquecidas pela classe política. O PSD tem que dar o exemplo e reformar o próprio partido”.

A última vez que o PSD porto teve umas eleições dispotadas a dois foi há 17 anos.

As urnas estarão abertas entre as 15h00 e as 20h00, tendo capacidade de voto todos os militantes com quotas regularizadas.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *