Notícias Maia

Um fim de semana de Primavera a 10 minutos da Maia

Partilhas

Começa já esta quinta-feira. Saiba como chegar ao recinto do NOS Primavera Sound e deixe que lhe agucemos o apetite para este evento que faz mexer o Norte. Moda, roupa, acessórios e maquilhagem nunca aqui estiveram tão conotados com um festival de música.

A cidade do Porto receberá, pelo sétimo ano consecutivo, a edição lusa. De 7 e 9 de Junho de 2018, o Primavera regressa ao Parque da Cidade: um dos principais atrativos do evento que voltará a assumir protagonismo nas preocupações estéticas e ambientais que caracterizam este festival.

O festival conta com uma ampla seleção de artistas internacionais, a par de uma significativa representação do panorama musical português. A linha artística segue as mesmas diretrizes do evento musical barcelonês, que se distingue pela variedade de estilos e pela aposta em novas bandas, destacando tanto o panorama local como artistas internacionais com longas e respeitadas carreiras.

Como chegar

Táxi

Os serviços de táxi estão a modernizar-se, a preparar-se para darem uma resposta às novidades que estão no mercado. Com o auxílio de aplicações que facilitam a interação entre passageiro e taxista este passo está dado, e na direção certa.

O táxi poderá ser um grande amigo no regresso pois, ao contrário da Uber, não está sujeito a tarifas dinâmicas.

Uber

Pela primeira vez a nível mundial, a Uber vai oferecer uma experiência integrada num festival: viagens mais convenientes à chegada do festival e refeições à distância de um toque no smartphone.

A Uber irá disponibilizar uma zona dedicada aos utilizadores dentro do festival para que possam entrar diretamente no recinto. Os utilizadores – após pedirem uma viagem na aplicação Uber – vão terminar as suas viagens num lounge dentro do recinto que dará o apoio necessário à sua chegada, garantindo uma experiência fiável e cómoda durante os três dias do festival.

Os novos utilizadores podem receber uma viagem gratuita até 10€ se introduzirem o código uber10ptue.

Transportes Públicos

Quem mora na Maia terá diversas alternativas para chegar ao Parque da Cidade do Porto. Deixamos algumas sugestões.

Poderá utilizar as linhas verde, vermelha e violeta do Metro do Porto. Se sair em Sete Bicas poderá andar 4 minutos até à paragem Sra. Penha, onde poderá trocar para o 205 (sentido do Castelo do Queijo).

Se preferir poderá utilizar o 600 até ao Amial, trocando depois para o 205 (sentido do Castelo do Queijo).

É possível apanhar um comboio da Linha de Braga ou Guimarães até São Bento e de seguida entrar no 500, rumo a Matosinhos (Mercado).

A STCP disponibilizará um serviço especial que consiste na criação de uma ligação direta entre a Praça Cidade Salvador e os Aliados, com paragens intermédias ao longo do percurso, designadamente em António Cardoso, Boavista, Pr. Galiza e Cordoaria. Este serviço funcionará durante a madrugada do dia 5 de junho entre a 1h e as 5h e nas madrugadas de 6 e 7 de junho entre a 1h e as 7h.

O reforço da oferta será efetuado nas linhas regulares de autocarros que servem a zona envolvente do Parque da Cidade: 200, 203, 205, 500, 501, 502, 1M. A linha 200 será ainda prolongada até à Praça Cidade Salvador entre as 18h e as 21h e a linha 205 operará também de madrugada entre a Praça Cidade Salvador e a Areosa.

As principais paragens da STCP que dão acesso ao NOS Primavera Sound estarão também assinaladas com placa de paragem identificativa do evento.

O que comer

Durante os três dias do festival, entre as 16h00 e a 01h00, será possível encomendar uma refeição através da aplicação Uber Eats. O utilizador – após realizar o pedido na aplicação Uber Eats – poderá levantar a sua encomenda em poucos minutos numa área privilegiada do recinto do Festival. A oferta na aplicação é personalizada e contará com vários restaurantes locais entre os quais a Conga, Diplomata, Guacamole, Puorto, Maria Wurst, Munchie, entre outros.

Os novos utilizadores podem receber uma refeição gratuita até 10€ se introduzirem o código eats-uber10ptue.

O que ouvir

Nick Cave and the Bad Seeds, Lorde e A$ap Rocky encabeçam o cartaz do Nos Primavera Sound 2018, que irá igualmente contar com The War On Drugs, Arca, Father John Misty, Mogwai, Jamie XX, Fever Ray e Tyler, The Creator.

Os três grandes cabeças de cartaz do NOS Primavera Sound 2018 explicam, de forma contundente, a música contemporânea de hoje: ao lado do rock sem rede de segurança de Nick Cave and The Bad Seeds, que apresentam finalmente em palco o catártico Skeleton Tree já convertido num clássico, estará A$AP Rocky, o novo rei do hip hop a nível mundial (que apresentará o seu ansiado terceiro álbum) e a estrela em ascensão da música pop deste século, Lorde, aclamada pela crítica com o seu segundo disco, Melodrama. Classicismo, modernidade e futuro reunidos num mesmo cartaz.

Aos cabeças de cartaz soma-se um conjunto de outros nomes, representantes do ADN do festival. Desde The War On Drugs, já convertidos numa das bandas rock imprescindíveis desta geração, até ao imparável Jamie XX na sua faceta de DJ, passando por artistas de peso como Father John Misty e Mogwai, o vanguardismo sonoro de Arca, o som arriscado de Fever Ray e Nils Frahm, clássicos do indie rock como Grizzly Bear, Ezra Furman e Wolf Parade, o fenómeno do R&B Rhye e Abra ou a sonoridade psicadélica e multicolor de Unknown Mortal Orchestra.

Prontas a demonstrar por que o futuro da música passa pelo feminino, também as mulheres farão parte do motor do NOS Primavera Sound 2018. A nova líder Lorde, no topo do cartaz, estará bem rodeada por nomes com longas carreiras como Fever Ray e The Breeders, além de um rasto ensurdecedor de novas artistas que vão das já mencionadas Kelela e Ibeyi a Mavi Phoenix, Waxahatchee, Kelsey Lu, Superorganism, Jay Som, Vagabon, Alex Lahey, Belako e Mattiel, passando por Helena Hauff, Shanti Celeste, Or:La e Avalon Emerson no campo da electrónica.

COMENTE

Partilhas

Newsletter

E-mail
Top