Este Plano Específico de Gestão da Água do Rio Leça terá que assegurar a monitorização e controlo da qualidade da água daquele que já foi considerado um dos rios mais poluídos da Europa.

Na sessão ordinária da Assembleia Municipal da Maia, do passado dia 28 de setembro, o Grupo Municipal do Bloco de Esquerda apresentou uma moção sobre o Rio Leça, propondo que o Município da Maia, em conjunto com a Agência Portuguesa do Ambiente (APA) e os Municípios vizinhos de Matosinhos, Valongo e Santo Tirso, elaborem um Plano Específico de Gestão da Água do Rio Leça (PEGA).

Este plano terá a finalidade de assegurar a monitorização e controlo da qualidade da água daquele que já foi considerado um dos rios mais poluídos da Europa.

A moção do Bloco de Esquerda foi aprovada por unanimidade.

Os deputados pediram também que Câmara Municipal de Maia tome as devidas diligências, no Conselho Metropolitano e junto da APA, para que o PEGA do Rio Leça avance, sem prejuízo do “corredor verde”.

Em comunicado enviado à redações, o BE diz que “o projeto de requalificação do “corredor verde” do Leça, previsto pelo Município da Maia, não chega para garantir as condições desejáveis para que os 500 000 potenciais utilizadores da Bacia Hidrográfica do Leça usufruam de áreas renovadas, com os tão desejados espaços de lazer de que as suas águas são parte integrante”.

O Bloco explica que “quer que a Maia vá mais longe, atuando como um dos interlocutores mais fortes de projetos ambientais no rio”.

Bial investe 110 milhões em projetos de investigação na área de Parkinson

COMENTE

Aqui chegado…

...temos uma pequena mensagem para partilhar consigo. Cada vez mais pessoas lêem o NOTÍCIAS MAIA, jornal digital, líder de audiências. Ao contrário de outros órgãos de informação, optámos por não obrigar os leitores a pagarem para lerem as nossas notícias, mantendo o acesso à informação tão livre quanto possível. Por isso, como pode ver, precisamos do seu apoio.

Para podermos apresentar-lhe mais e melhor informação, que inclua mais reportagens e entrevistas e que utilize uma plataforma cada vez mais desenvolvida e outros meios, como o vídeo, precisamos da sua ajuda.

O NOTÍCIAS MAIA é um órgão de comunicação social independente (e sempre será). Isto é importante para podermos confrontar livremente todo e qualquer tipo de poder (político, económico ou religioso) sempre que necessário.

Achámos que, se cada pessoa que lê e gosta de ler o NOTÍCIAS MAIA, apoiar o futuro do nosso projeto, este será cada vez mais importante para o desenvolvimento da sociedade que partilhamos, a nível regional. Pela divulgação, partilha e fiscalização.

Assim, por tão pouco como 1€, você pode apoiar o NOTÍCIAS MAIA - e só demora um minuto. Obrigado.