Partilhas

O homem de 44 anos alegou à GNR que a mercadoria havia sido furtada “sem que o mesmo se apercebesse”.

A GNR, através do Núcleo de Investigação Criminal de Barcelos, identificou um homem de 44 anos por simulação de furto, no concelho da Maia, no passado dia 15 de fevereiro.

Segundo comunicado da GNR, na sequência de uma denúncia por furto de parte da carga de um camião que alegadamente teve lugar no dia 11 de fevereiro em Campo Maior, no concelho de Elvas, os militares da Guarda iniciaram diligências com o intuito de localizar o material furtado, bem como o autor do furto.

No decorrer da investigação apurou-se que o condutor do camião, após ter iniciado o transporte dos pneus em Vila Nova de Famalicão com destino a Marrocos, efetuou uma paragem num armazém na Maia, onde retirou e armazenou os pneus furtados.

Foi possível apurar ainda que, após seguir a rota estipulada, o suspeito efetuou uma paragem de descanso na zona de Campo Maior, onde simulou que parte da carga teria sido furtada naquela localidade sem que o mesmo se apercebesse.

No seguimento das diligências policiais a mercadoria furtada foi localizada no armazém na Maia, tendo sido entregue à empresa proprietária. A GNR recuperou 539 pneus, com o valor estimado de 40 425 euros.

O suspeito foi identificado, e os factos foram remetidos ao Tribunal Judicial de Elvas.

COMENTE

Aqui chegado…

...temos uma pequena mensagem para partilhar consigo. Cada vez mais pessoas lêem o NOTÍCIAS MAIA, jornal digital, líder de audiências. Ao contrário de outros órgãos de informação, optámos por não obrigar os leitores a pagarem para lerem as nossas notícias, mantendo o acesso à informação tão livre quanto possível. Por isso, como pode ver, precisamos do seu apoio.

Para podermos apresentar-lhe mais e melhor informação, que inclua mais reportagens e entrevistas e que utilize uma plataforma cada vez mais desenvolvida e outros meios, como o vídeo, precisamos da sua ajuda.

O NOTÍCIAS MAIA é um órgão de comunicação social independente (e sempre será). Isto é importante para podermos confrontar livremente todo e qualquer tipo de poder (político, económico ou religioso) sempre que necessário.

Achámos que, se cada pessoa que lê e gosta de ler o NOTÍCIAS MAIA, apoiar o futuro do nosso projeto, este será cada vez mais importante para o desenvolvimento da sociedade que partilhamos, a nível regional. Pela divulgação, partilha e fiscalização.

Assim, por tão pouco como 1€, você pode apoiar o NOTÍCIAS MAIA - e só demora um minuto. Obrigado.