Sem distanciamento social, centenas de pessoas esperaram mais de uma hora para serem vacinadas no Centro de Vacinação Covid-19 de Gueifães.

Esta segunda-feira, 14 de junho, centenas de pessoas esperaram aglomeradas pela vacina contra a Covid-19 no Centro de Vacinação Covid-19 em Gueifães, na Maia.


As filas eram longas e muitas pessoas aguardavam a sua vez sem qualquer tipo de distanciamento social. A razão para a confusão instalada terá mesmo sido o fecho do Centro de Vacinação Covid-19 em Gemunde, no Castêlo da Maia, e a falta de aviso de que o local de vacinação era outro.

A Associação Regional de Saúde do Norte explica ainda que um atraso no envio das mensagens fez com que várias dezenas de pessoas não fossem avisadas de que seriam vacinada em Gueifães e não em Gemunde, como havia acontecido com a 1ª dose da vacina.

Em esclarecimento publicado nas redes sociais, Emília Santos, vereadora da Educação e Saúde da Câmara Municipal da Maia, diz que “ultimamente, o ACES Maia/Valongo tem tido dificuldade em colocar recursos humanos especializados em número suficiente, por forma a manter abertos os dois centros”.

“Para tentar ajudar a minimizar este constrangimento, a Câmara Municipal da Maia aprovou, hoje [14 de junho] mesmo, a contratação de dez enfermeiros, 40h/semana”, garante a vereadora, acrescentando que “teve de aguardar autorização da ARS para contratar, uma vez que não tem competências nesta matéria”.

Na mesma publicação, Emília Santos mostra-se convicta que, nos próximos dias, “os CVC da Maia voltem a normalizar”. “De resto, têm funcionado muito bem e estamos muito reconhecidos pelo esforço dos profissionais de saúde”, concluiu.

COMENTE

Aqui chegado…

...temos uma pequena mensagem para partilhar consigo. Cada vez mais pessoas lêem o NOTÍCIAS MAIA, jornal digital, líder de audiências. Ao contrário de outros órgãos de informação, optámos por não obrigar os leitores a pagarem para lerem as nossas notícias, mantendo o acesso à informação tão livre quanto possível. Por isso, como pode ver, precisamos do seu apoio.

Para podermos apresentar-lhe mais e melhor informação, que inclua mais reportagens e entrevistas e que utilize uma plataforma cada vez mais desenvolvida e outros meios, como o vídeo, precisamos da sua ajuda.

O NOTÍCIAS MAIA é um órgão de comunicação social independente (e sempre será). Isto é importante para podermos confrontar livremente todo e qualquer tipo de poder (político, económico ou religioso) sempre que necessário.

Achámos que, se cada pessoa que lê e gosta de ler o NOTÍCIAS MAIA, apoiar o futuro do nosso projeto, este será cada vez mais importante para o desenvolvimento da sociedade que partilhamos, a nível regional. Pela divulgação, partilha e fiscalização.

Assim, por tão pouco como 1€, você pode apoiar o NOTÍCIAS MAIA - e só demora um minuto. Obrigado.