Partilhas

A peça estará em exibição de 19 a 21 de abril no Auditório da Quinta da Caverneira, em Águas Santas.

O Teatro Art’imagem vai repor a peça “Desastre Nu” após o cancelamento da sua temporada de estreia, motivado pelo Estado de Emergência. “A humanidade cheira mal” é o tema posto em cena.

Cozinca

O espetáculo, que faz jus à condição do ser individual e social com recurso ao humor sarcástico, vai estar em exibição de 19 a 21 de abril no Auditório da Quinta da Caverneira, em Águas Santas, Maia.

A peça é para maiores de 12 anos e tem a duração de aproximadamente 90 minutos.

“A tragicomédia leva a palco quatro atores a interpretar 12 personagens em estado neurótico e louco que, numa psicose coletiva, atingem o limite emocional e culminam com a revolução de si mesmos dentro de uma sociedade em crise”, referiu o Teatro Art’Imagem a 9 de março, em comunicado enviado à Lusa.

O texto da autoria de António Aragão pretende retratar de forma seriamente absurda a realidade em que o mundo, os sistemas e as pessoas se encontram.

Uma encenação repleta de maus cheiros que promete ser um verdadeiro desastre nu.

Os bilhetes têm o custo de 5€. Crianças com menos de seis anos, maiores de 65 anos, Profissionais das Artes Cénicas, desempregados e sócios do Sindicato dos Bancários do Norte pagam 4€.

COMENTE

Aqui chegado…

...temos uma pequena mensagem para partilhar consigo. Cada vez mais pessoas lêem o NOTÍCIAS MAIA, jornal digital, líder de audiências. Ao contrário de outros órgãos de informação, optámos por não obrigar os leitores a pagarem para lerem as nossas notícias, mantendo o acesso à informação tão livre quanto possível. Por isso, como pode ver, precisamos do seu apoio.

Para podermos apresentar-lhe mais e melhor informação, que inclua mais reportagens e entrevistas e que utilize uma plataforma cada vez mais desenvolvida e outros meios, como o vídeo, precisamos da sua ajuda.

O NOTÍCIAS MAIA é um órgão de comunicação social independente (e sempre será). Isto é importante para podermos confrontar livremente todo e qualquer tipo de poder (político, económico ou religioso) sempre que necessário.

Achámos que, se cada pessoa que lê e gosta de ler o NOTÍCIAS MAIA, apoiar o futuro do nosso projeto, este será cada vez mais importante para o desenvolvimento da sociedade que partilhamos, a nível regional. Pela divulgação, partilha e fiscalização.

Assim, por tão pouco como 1€, você pode apoiar o NOTÍCIAS MAIA - e só demora um minuto. Obrigado.