Nos oito municípios LIPOR, a aposta traduziu-se num crescimento de mais de 8% de materiais entregues para reciclagem, de 2019 para 2020.

Em 2020 a LIPOR registou um crescimento de 8,03%, relativamente a 2019, no que diz respeito às toneladas de materiais entregues para reciclagem nos Ecopontos, Ecocentros e Zonas de Recolha Seletiva Porta a Porta.

Cozinca

A aposta que o município da Maia tem vindo a desenvolver, juntamente com os restantes sete associados LIPOR, tem por vista maximizar e incrementar a quantidade de materiais a enviar para reciclagem. Uma aposta que tem dado frutos que se traduzem nos valores acima revelados.

Relativamente aos biorresíduos recolhidos seletivamente em 2020, houve um decréscimo de 12,76% comparativamente a 2019, justificado pelo encerramento total ou parcial da restauração ao longo do ano, fruto do contexto pandémico.

Denotou-se ainda um decréscimo de 1,94% na produção global de lixo, no mesmo período de tempo, que, no entanto, não acaba em aterro sanitário. A LIPOR aproveitou todo o seu potencial valorizando-o na sua Central de Valorização Energética.

Os produtos LIPOR, nomeadamente os recicláveis, papel e cartão, plásticos, vidro e metais, o Composto Orgânico Nutrimais e a Energia Elétrica exportada, tiveram um impacto positivo na redução de emissões para a atmosfera noutros setores económicos.

COMENTE

Aqui chegado…

...temos uma pequena mensagem para partilhar consigo. Cada vez mais pessoas lêem o NOTÍCIAS MAIA, jornal digital, líder de audiências. Ao contrário de outros órgãos de informação, optámos por não obrigar os leitores a pagarem para lerem as nossas notícias, mantendo o acesso à informação tão livre quanto possível. Por isso, como pode ver, precisamos do seu apoio.

Para podermos apresentar-lhe mais e melhor informação, que inclua mais reportagens e entrevistas e que utilize uma plataforma cada vez mais desenvolvida e outros meios, como o vídeo, precisamos da sua ajuda.

O NOTÍCIAS MAIA é um órgão de comunicação social independente (e sempre será). Isto é importante para podermos confrontar livremente todo e qualquer tipo de poder (político, económico ou religioso) sempre que necessário.

Achámos que, se cada pessoa que lê e gosta de ler o NOTÍCIAS MAIA, apoiar o futuro do nosso projeto, este será cada vez mais importante para o desenvolvimento da sociedade que partilhamos, a nível regional. Pela divulgação, partilha e fiscalização.

Assim, por tão pouco como 1€, você pode apoiar o NOTÍCIAS MAIA - e só demora um minuto. Obrigado.