Até dia 6 de junho, quem fizer compras na Mercadona poderá doar alimentos que serão depois entregues ao Banco Alimentar Contra a Fome, juntamente com a doação do hipermercado.

A Mercadona juntou-se à campanha de recolha alimentos organizada pelo Banco Alimentar Contra a Fome e, até ao dia 6 de junho, os clientes das 20 lojas do hipermercado, incluindo da Maia, poderão doar alimentos que serão depois entregues ao Banco Alimentar de cada cidade.

Cozinca

No contexto da pandemia, a campanha de recolha não contará com a presença de voluntários em loja, pelo que a doação será feita através da campanha “Vale Mais”, na qual o cliente que queira participar com a sua doação deve indicar na caixa quais os produtos e a quantidade a doar.

Posteriormente a Mercadona entregará os alimentos doados pelos clientes, juntamente com sua própria doação, aos Bancos Alimentares correspondentes em cada zona.

Ana Mendia, diretora de responsabilidade social da Mercadona em Portugal, reforça que “para a Mercadona, a participação na Campanha de Recolha de Alimentos do Banco Alimentar Contra a Fome é mais um passo no nosso firme compromisso com a Sociedade”.

Esta é uma parceria que “permite sensibilizar um maior número de portugueses para a partilha de alimentos com famílias que precisam de apoio alimentar e incentivar a solidariedade neste momento difícil para muitos”, sublinhou Isabel Jonet, Presidente da Federação Portuguesa dos Bancos Alimentares Contra a Fome.

A empresa já realiza doações diárias a várias cantinas sociais tendo doado, em 2020, um total de 1.200 toneladas de produtos de primeira necessidade a várias instituições de solidariedade social.

COMENTE

Aqui chegado…

...temos uma pequena mensagem para partilhar consigo. Cada vez mais pessoas lêem o NOTÍCIAS MAIA, jornal digital, líder de audiências. Ao contrário de outros órgãos de informação, optámos por não obrigar os leitores a pagarem para lerem as nossas notícias, mantendo o acesso à informação tão livre quanto possível. Por isso, como pode ver, precisamos do seu apoio.

Para podermos apresentar-lhe mais e melhor informação, que inclua mais reportagens e entrevistas e que utilize uma plataforma cada vez mais desenvolvida e outros meios, como o vídeo, precisamos da sua ajuda.

O NOTÍCIAS MAIA é um órgão de comunicação social independente (e sempre será). Isto é importante para podermos confrontar livremente todo e qualquer tipo de poder (político, económico ou religioso) sempre que necessário.

Achámos que, se cada pessoa que lê e gosta de ler o NOTÍCIAS MAIA, apoiar o futuro do nosso projeto, este será cada vez mais importante para o desenvolvimento da sociedade que partilhamos, a nível regional. Pela divulgação, partilha e fiscalização.

Assim, por tão pouco como 1€, você pode apoiar o NOTÍCIAS MAIA - e só demora um minuto. Obrigado.