O bom tempo levou famílias inteiras a sair à rua neste domingo.

O quarteirão da Cidade Desportiva da Maia esteve repelo de pessoas. Famílias inteiras, carrinhos de bebés e crianças a jogar à bola tornaram algumas zonas lotadas e de difícil circulação. Apesar do dever de recolhimento e do encerramento dos equipamentos municipais, tal não tem impedido que, principalmente ao longo do fim-de-semana, existam aglomerações de pessoas que desafiaram a sinalização, como o caso da Cidade Desportiva neste domingo, 28 de fevereiro. Dada a grande afluência ao espaço, a Polícia Municipal foi obrigada a atuar esta tarde, reforçando a proibição de ajuntamentos.

Cozinca

Com o Ecocaminho encerrado, a zona envolvente deste espaço recebeu uma enchente de maiatos em ameno passeio. A ponte que dá acesso à Estação de Metro da Zona Industrial esteve quase intransitável.

Considerando o estado de emergência e as disposições legais impostas pelo decreto do Presidente da República, n.º 6-B/2021, de 13 de janeiro, e tendo verificado uma excessiva concentração de pessoas em circulação, a Câmara Municipal da Maia decidiu o encerramento temporariamente alguns espaços de lazer do concelho, por razões de segurança sanitária.

Recorde-se que na passa quarta-feira, atos de vandalismo no Ecocaminho levam Polícia Municipal a reforçar a interdição do mesmo. A autarquia lembrou na altura que, “independentemente do estado do tempo”, “o país continua em estado de Emergência e, por isso, todas as infraestruturas municipais de lazer permanecem interditas por força da lei”.

Em Portugal, o estado de emergência foi renovado até 16 de março.

COMENTE

Aqui chegado…

...temos uma pequena mensagem para partilhar consigo. Cada vez mais pessoas lêem o NOTÍCIAS MAIA, jornal digital, líder de audiências. Ao contrário de outros órgãos de informação, optámos por não obrigar os leitores a pagarem para lerem as nossas notícias, mantendo o acesso à informação tão livre quanto possível. Por isso, como pode ver, precisamos do seu apoio.

Para podermos apresentar-lhe mais e melhor informação, que inclua mais reportagens e entrevistas e que utilize uma plataforma cada vez mais desenvolvida e outros meios, como o vídeo, precisamos da sua ajuda.

O NOTÍCIAS MAIA é um órgão de comunicação social independente (e sempre será). Isto é importante para podermos confrontar livremente todo e qualquer tipo de poder (político, económico ou religioso) sempre que necessário.

Achámos que, se cada pessoa que lê e gosta de ler o NOTÍCIAS MAIA, apoiar o futuro do nosso projeto, este será cada vez mais importante para o desenvolvimento da sociedade que partilhamos, a nível regional. Pela divulgação, partilha e fiscalização.

Assim, por tão pouco como 1€, você pode apoiar o NOTÍCIAS MAIA - e só demora um minuto. Obrigado.