Partilhas

No passado dia 25 de julho de 2020 foi eleita a nova Comissão Política Concelhia da Juventude Popular da Maia, liderada por Hugo Gonçalves.

A nova comissão política é constituída por Hugo Gonçalves (Presidente), Joaquim Pereira (Vice-Presidente), Renato Pinho (Vice-Presidente), Joana Oliveira (Secretário-Geral), Frederico Morais (Vogal), Marta Faria (Vogal) e Mário Lopes (Vogal).

Nonna Vespa

Com esta eleição foram também eleitos seis Conselheiros Distritais e cinco Conselheiros Nacionais que representarão a JP Maia nos respetivos órgãos da Juventude Popular.

No momento de oficialização dos resultados, Hugo Gonçalves prestou declarações sobre o mandato de dois anos que se avizinha: “É uma altura difícil para se fazer política. Vivemos tempos de incerteza sobre a evolução da pandemia que nos assola. O maior desafio será mesmo com o distanciamento pessoal, promover a aproximação dos jovens à vida política”.

Quantos aos objetivos para o mandato, acrescentou: “Os alicerces para um bom futuro assentam na educação. Sendo a Maia uma referência para a educação no país, acredito que poderá será o ideal ponto de partida para uma evolução no sistema tremendamente desatualizado. Impera a necessidade da chegada da “Educação 4.0”. Já vem tarde, mas antes tarde que nunca”.

Relativamente ao processo autárquico do próximo ano, referiu ainda: “Tenho o prazer enorme de estar acompanhado nesta comissão política de um leque alargado de excelentes quadros, uns já no ativo, outros para lá caminham. Da engenharia eletrotécnica à medicina dentária, passando por ciências empresariais, relações internacionais e solicitadoria. Sem dúvida que todos compreendemos não só a importância da educação, como a importância da política no nosso dia-a-dia. Como tal, preparar-nos-emos o mais possível para auxiliar o CDS Maia no desafio de 2021, com o maior sentimento de lealdade de dedicação”.

COMENTE

Aqui chegado…

...temos uma pequena mensagem para partilhar consigo. Cada vez mais pessoas lêem o NOTÍCIAS MAIA, jornal digital, líder de audiências. Ao contrário de outros órgãos de informação, optámos por não obrigar os leitores a pagarem para lerem as nossas notícias, mantendo o acesso à informação tão livre quanto possível. Por isso, como pode ver, precisamos do seu apoio.

Para podermos apresentar-lhe mais e melhor informação, que inclua mais reportagens e entrevistas e que utilize uma plataforma cada vez mais desenvolvida e outros meios, como o vídeo, precisamos da sua ajuda.

O NOTÍCIAS MAIA é um órgão de comunicação social independente (e sempre será). Isto é importante para podermos confrontar livremente todo e qualquer tipo de poder (político, económico ou religioso) sempre que necessário.

Achámos que, se cada pessoa que lê e gosta de ler o NOTÍCIAS MAIA, apoiar o futuro do nosso projeto, este será cada vez mais importante para o desenvolvimento da sociedade que partilhamos, a nível regional. Pela divulgação, partilha e fiscalização.

Assim, por tão pouco como 1€, você pode apoiar o NOTÍCIAS MAIA - e só demora um minuto. Obrigado.