Nuno Borges derrotou Miguel Gomes e conquistou os primeiros três pontos do grupo. A primeira fase do Circuito Sénior da Federação Portuguesa de Ténis decorre de 22 a 28 de junho em Vale do Lobo.

O jovem tenista maiato regressou esta quarta-feira à competição e fê-lo com uma vitória. Depois de cinco meses de ausência entre uma lesão no pulso e a interrupção dos circuitos por causa da pandemia do coronavírus, Nuno Borges voltou em força assumindo a primeira posição do Grupo 1 desta primeira etapa.

DS Crédito

Além do maiato e de Miguel Gomes, também João Sousa integra este grupo. O tenista vimaranense é a figura principal da prova e entra em jogo, contra Miguel Gomes, nesta quinta-feira, dia 25 de junho. O confronto entre João Sousa e Nuno Borges acontece uns dias mais tarde mas o tenista maiato já confessou que “mal posso esperar para jogar com o João Sousa“.

O jogador natural da Maia, que é o número 599 do ranking Associação Profissional de Ténis (APT), confirmou o favoritismo que lhe era atribuído e derrotou Miguel Gomes, seis anos mais novo, por 6-3 e 6-3. Recorde-se que João Sousa é o português mais bem cotado neste ranking da APT ocupando o 66º lugar da tabela liderada pelo sérvio Novak Djokovic. 

Segundo o meio de comunicação digital Raquetc, Nuno Borges diz ter sentido “aquelas borboletas no estômago muito normais nesta altura, mas foi um bom nervosismo e usei a energia para tentar compensar isso. Não foi um encontro incrível da minha parte, mas o Miguel evoluiu muito e está no bom caminho. Ainda tenho muitas coisas para limpar no meu jogo, mas estou muito satisfeito. Sair daqui com uma vitória já é mais do que o que posso pedir e mal posso esperar para jogar com o João Sousa”.

“Nesta altura o mais importante é ter jogos e competição, porque estes torneios são a oportunidade perfeita para eu poder evoluir o meu jogo”, concluiu o jovem maiato segundo o mesmo meio.

Futebol feminino é rei no Castêlo da Maia

COMENTE

Aqui chegado…

...temos uma pequena mensagem para partilhar consigo. Cada vez mais pessoas lêem o NOTÍCIAS MAIA, jornal digital, líder de audiências. Ao contrário de outros órgãos de informação, optámos por não obrigar os leitores a pagarem para lerem as nossas notícias, mantendo o acesso à informação tão livre quanto possível. Por isso, como pode ver, precisamos do seu apoio.

Para podermos apresentar-lhe mais e melhor informação, que inclua mais reportagens e entrevistas e que utilize uma plataforma cada vez mais desenvolvida e outros meios, como o vídeo, precisamos da sua ajuda.

O NOTÍCIAS MAIA é um órgão de comunicação social independente (e sempre será). Isto é importante para podermos confrontar livremente todo e qualquer tipo de poder (político, económico ou religioso) sempre que necessário.

Achámos que, se cada pessoa que lê e gosta de ler o NOTÍCIAS MAIA, apoiar o futuro do nosso projeto, este será cada vez mais importante para o desenvolvimento da sociedade que partilhamos, a nível regional. Pela divulgação, partilha e fiscalização.

Assim, por tão pouco como 1€, você pode apoiar o NOTÍCIAS MAIA - e só demora um minuto. Obrigado.