A freguesia da Maia situa-se na costa Norte da ilha de São Miguel, nos Açores. O seu nome deve-se à fidalga Inês da Maia, a fundadora que partiu das terras da Maia na época do povoamento.

A Casa do Povo da Maia e Junta de Freguesia da Maia (Açores) promoveram, no dia 1 de maio, um conjunto de iniciativas que assinalaram a fundação da freguesia. Estas atividades contaram com a participação de uma comitiva proveniente do município da Maia.

A freguesia de Maia, concelho da Ribeira Grande, situa-se na costa Norte da ilha de São Miguel nos Açores e regista uma população que ronda os 2000 habitantes. Com 22 km2 de superfície é a mais extensa freguesia do concelho.

Segundo os primeiros historiadores açorianos, o nome desta freguesia deriva do facto de ter sido sua fundadora Inês da Maia, uma fidalga que aqui se estabeleceu nos finais do século XV.

Esta freguesia é uma das mais antigas do concelho de Ribeira Grande, tendo o seu povoamento se iniciado logo após o descobrimento da ilha, o que é testemunhado pela própria construção da sua igreja que remonta, provavelmente, aos finais do século XV. Em 1522 tinha já o seu terceiro vigário. Maia foi um dos lugares da costa norte de São Miguel que mais se desenvolveu pois cem anos depois da sua fundação era já freguesia.

A sua igreja paroquial, dedicada ao Espírito Santo, data de 1812. Teve origem numa capela do século XVI, ampliada nos séculos XVII e XVIII.

O Solar de Lalém, casa nobre refeita no século XIX, com capela e portão do século XVIII, constitui um belo exemplar da arquitectura açoriana.

No lugar da Gorreana existem plantações de chá únicas na Europa. Na centenária fábrica de chá Gorreana é preparada esta apreciada infusão a partir de várias espécies aí cultivadas.

COMENTE

Aqui chegado…

...temos uma pequena mensagem para partilhar consigo. Cada vez mais pessoas lêem o NOTÍCIAS MAIA, jornal digital, líder de audiências. Ao contrário de outros órgãos de informação, optámos por não obrigar os leitores a pagarem para lerem as nossas notícias, mantendo o acesso à informação tão livre quanto possível. Por isso, como pode ver, precisamos do seu apoio.

Para podermos apresentar-lhe mais e melhor informação, que inclua mais reportagens e entrevistas e que utilize uma plataforma cada vez mais desenvolvida e outros meios, como o vídeo, precisamos da sua ajuda.

O NOTÍCIAS MAIA é um órgão de comunicação social independente (e sempre será). Isto é importante para podermos confrontar livremente todo e qualquer tipo de poder (político, económico ou religioso) sempre que necessário.

Achámos que, se cada pessoa que lê e gosta de ler o NOTÍCIAS MAIA, apoiar o futuro do nosso projeto, este será cada vez mais importante para o desenvolvimento da sociedade que partilhamos, a nível regional. Pela divulgação, partilha e fiscalização.

Assim, por tão pouco como 1€, você pode apoiar o NOTÍCIAS MAIA - e só demora um minuto. Obrigado.