O concurso foi dinamizado pela Arte Central e o Up Up Pop-Up.

Duas escolas do Município da Maia foram premiadas no âmbito do Concurso Nacional “Direitos da Criança em Cidadania e Igualdade – Os Direitos da Criança em Pop-Up”, concebido pela Arte Central e o Up Up Pop-Up.

Leonidas

O grande objetivo do concurso foi “alertar para o cumprimento da Declaração dos Direitos da Criança e consciencialização sobre a pertinência dos mesmos”.

O 1º prémio do escalão 1 vai para os alunos da turma do 4ºA da EB1 de Crestins, do Agrupamento de Escolas Dr. Vieira de Carvalho. No mesmo escalão, mas em 2º lugar, estão os alunos da turma do 3ºD da EB1/JI de Enxurreiras, do Agrupamento de Escolas de Pedrouços.

O concurso, desenvolvido a pensar em turmas do 1º ao 12º ano, consistiu na criação coletiva de um conjunto de 10 postais que ilustrassem, através da técnica pop-up, os 10 princípios enunciados na Declaração dos Direitos da Criança.

Além do certificado digital de participação, os vencedores serão contemplados pela Faber-Castell com material escolar de desenho, literatura e pintura.

Aqui chegado…

...temos uma pequena mensagem para partilhar consigo. Cada vez mais pessoas leem o NOTÍCIAS MAIA, jornal digital, líder de audiências. Ao contrário de outros órgãos de informação, optámos por não obrigar os leitores a pagarem para lerem as nossas notícias, mantendo o acesso à informação tão livre quanto possível. Por isso, como pode ver, precisamos do seu apoio.

Para podermos apresentar-lhe mais e melhor informação, que inclua mais reportagens e entrevistas e que utilize uma plataforma cada vez mais desenvolvida e outros meios, como o vídeo, precisamos da sua ajuda.

O NOTÍCIAS MAIA é um órgão de comunicação social independente (e sempre será). Isto é importante para podermos confrontar livremente todo e qualquer tipo de poder (político, económico ou religioso) sempre que necessário.

Achámos que, se cada pessoa que lê e gosta de ler o NOTÍCIAS MAIA, apoiar o futuro do nosso projeto, este será cada vez mais importante para o desenvolvimento da sociedade que partilhamos, a nível regional. Pela divulgação, partilha e fiscalização.

Assim, por tão pouco como 1€, você pode apoiar o NOTÍCIAS MAIA - e só demora um minuto. Obrigado.