Vários municípios da Área Metropolitana do Porto vão colocar em prática um plano de controlo de gaivotas, que terá um valor previsto de 135 mil euros, envolvendo a comunidade científica, a Lipor e a Suldouro.

“Não há qualquer estratégia de abate indiscriminado ou de envenenamento, porque é preciso não esquecer que as gaivotas circulam em espaço público. Os municípios vão testar, com a ajuda da comunidade científica, a esterilização das gaivotas e agir, de igual modo, junto dos ninhos de ovos, colocando a hipótese de destruir os mesmos”, afirma a Câmara Municipal de Gaia no site de município, sublinhando que “estas soluções podem levantar alguns problemas junto da causa animal e poderá estar em cima da mesa um segundo modelo de intervenção”.

Ordem dos Advogados Maia

“As gaivotas chegam a terra atraídas pelas lixeiras e a verdade é que grande parte delas foi substituída por aterros. É um avanço, mas ainda há melhorias a fazer porque estes espaços, em muitos momentos, estão a céu aberto, o que é mais um atrativo para a proliferação da espécie”, refere o município de Gaia, reforçando que “é preciso travar urgentemente este processo porque o crescimento tem sido exponencial”.

Assim, seis câmaras costeiras da Área Metropolitana do Porto (Porto, Gaia, Matosinhos, Espinho, Vila do Conde e Póvoa de Varzim) vão avançar com um plano para travar a invasão de gaivotas.

COMENTE

Aqui chegado…

...temos uma pequena mensagem para partilhar consigo. Cada vez mais pessoas lêem o NOTÍCIAS MAIA, jornal digital, líder de audiências. Ao contrário de outros órgãos de informação, optámos por não obrigar os leitores a pagarem para lerem as nossas notícias, mantendo o acesso à informação tão livre quanto possível. Por isso, como pode ver, precisamos do seu apoio.

Para podermos apresentar-lhe mais e melhor informação, que inclua mais reportagens e entrevistas e que utilize uma plataforma cada vez mais desenvolvida e outros meios, como o vídeo, precisamos da sua ajuda.

O NOTÍCIAS MAIA é um órgão de comunicação social independente (e sempre será). Isto é importante para podermos confrontar livremente todo e qualquer tipo de poder (político, económico ou religioso) sempre que necessário.

Achámos que, se cada pessoa que lê e gosta de ler o NOTÍCIAS MAIA, apoiar o futuro do nosso projeto, este será cada vez mais importante para o desenvolvimento da sociedade que partilhamos, a nível regional. Pela divulgação, partilha e fiscalização.

Assim, por tão pouco como 1€, você pode apoiar o NOTÍCIAS MAIA - e só demora um minuto. Obrigado.