Aviso vermelho devido a temporal nos próximos dias - Notícias Maia

Notícias Maia

Aviso vermelho devido a temporal nos próximos dias

Partilhas

Vem aí um temporal que levou o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) a emitir um aviso vermelho devido a previsões de agravamento do mau tempo nos próximos dias.

A Proteção Civil Municipal avisou para a existência destas previsões principalmente nos dias 10 e 11 de dezembro, respetivamente domingo e segunda-feira. De acordo com o IPMA está prevista a ocorrência de chuva e vento forte depois do meio-dia de domingo até a manhã de segunda-feira. Está também previsto um aumento da agitação marítima a partir da tarde de domingo, com ondas de sudoeste que podem atingir os 5 a 6 metros e com alturas máximas que poderão atingir os 10 metros, condições que se podem manter até ao final da tarde de segunda-feira, dia 11.

A Proteção Civil Municipal emitiu algumas recomendações à população, para que tome as devidas precauções:

  • Garantindo a desobstrução dos sistemas de escoamento das águas pluviais e remoção de inertes e outros objetos suscetíveis de serem arrastados ou que possam criar obstáculos ao livre escoamento das águas;
  • Adotando uma condução defensiva, reduzindo a velocidade e tendo especial cuidado com a acumulação de neve e a formação de lençóis de água nas vias;
  • Evitando atravessar zonas inundadas, de modo a precaver o arrastamento de pessoas ou viaturas para buracos escondidos no pavimento ou caixas de esgoto abertas;
  • Procedendo à colocação das correntes de neve nas viaturas sempre que se circular nas áreas atingidas pela queda de neve;
  • Garantindo a adequada fixação de estruturas soltas, nomeadamente andaimes, placards e outras estruturas suspensas;
  • Tendo especial cuidado na circulação e permanência junto a áreas arborizadas, mantendo-se atentos à possibilidade de queda de ramos e árvores em virtude de vento forte;
  • Tendo especial cuidado na circulação junto à orla costeira e a zonas ribeirinhas historicamente mais vulneráveis a galgamentos costeiros, evitando, se possível, a circulação e a permanência nestes locais;
  • Não praticando atividades relacionadas com o mar, nomeadamente pesca desportiva, desportos náuticos e passeios à beira-mar e evitando o estacionamento de veículos muito próximos da orla marítima;
  • Estando atento às informações da meteorologia e às indicações da Proteção Civil e Forças de Segurança.
COMENTE

Newsletter

E-mail
Top