A Maia está perto dos 300 casos confirmados de Covid-19. Em Portugal há 5962 infetados e 119 mortos.

Não é demais lembrar. Fique em casa. Proteja-se. Cumpra as recomendações da Direção Geral de Saúde.

O número de casos detetados no concelho da Maia cresceu de 219 para 296 nas últimas 24 horas. São mais 77 casos, o que representa uma subida de 35,2% desde ontem.

Vários concelhos do Norte estão entre os que somam maior número de infetados em todo o país. São eles Porto (417), Vila Nova de Gaia (351), Maia (296), Matosinhos (254), Gondomar (242) e Valongo (184). Lisboa é o concelho com maior número de infetados em Portugal, com 594 casos desta doença que já matou 119 pessoas em todo o território nacional.

Recorde que o tempo decorrido entre a exposição ao vírus e o aparecimento de sintomas é atualmente considerado de até 14 dias. Isto que dizer que os casos agora revelados positivos podem ter sido contagiados até há duas semanas atrás.

Casos por 100 mil habitantes nos municípios que fazem fronteira com a Maia

Município População (2018) Casos Covid-19 Casos por 100 mil habitantes
Maia 137.248 296 215,67
Porto 214.936 417 194,01
Valongo 96.239 184 191,2
Gondomar 165.629 242 146,1
Matosinhos 174.068 254 145,9
Trofa 38.287 29 75,7
Santo Tirso 68.373 42 61,4
Vila do Conde 79.499 32 40,3

Faleceram 17 pessoas no Norte do país nas últimas 24 horas

Foram 17 óbitos em apenas 24 horas no Norte do país. Em todo o pais estão 138 pacientes nos cuidados intensivos num total de 486 internados em todo o país. Desde o início da pandemia, 43 pacientes já conseguiram recuperar, no entanto, a taxa de mortalidade chegou já aos 2%.

Rapaz de 14, natural de Ovar, faleceu no Hospital da Feira

Jovem estava infetado com Covid-19 e teria outras patologias associadas. Tinha dado entrada no hospital durante o dia de ontem.

Câmara da Maia realiza testes a idosos hospedados em lares

A autarquia está a organizar, em articulação com as autoridades de saúde local e regional, uma operação logística com vista à realização de testes a todos os idosos hospedados em lares de 3ª idade, públicos e privados, sediados no seu território.

COMENTE

Aqui chegado…

...temos uma pequena mensagem para partilhar consigo. Cada vez mais pessoas lêem o NOTÍCIAS MAIA, jornal digital, líder de audiências. Ao contrário de outros órgãos de informação, optámos por não obrigar os leitores a pagarem para lerem as nossas notícias, mantendo o acesso à informação tão livre quanto possível. Por isso, como pode ver, precisamos do seu apoio.

Para podermos apresentar-lhe mais e melhor informação, que inclua mais reportagens e entrevistas e que utilize uma plataforma cada vez mais desenvolvida e outros meios, como o vídeo, precisamos da sua ajuda.

O NOTÍCIAS MAIA é um órgão de comunicação social independente (e sempre será). Isto é importante para podermos confrontar livremente todo e qualquer tipo de poder (político, económico ou religioso) sempre que necessário.

Achámos que, se cada pessoa que lê e gosta de ler o NOTÍCIAS MAIA, apoiar o futuro do nosso projeto, este será cada vez mais importante para o desenvolvimento da sociedade que partilhamos, a nível regional. Pela divulgação, partilha e fiscalização.

Assim, por tão pouco como 1€, você pode apoiar o NOTÍCIAS MAIA - e só demora um minuto. Obrigado.