Notícias Maia

Covid-19: Maia reajusta frequência da recolha de resíduos

©DR
Partilhas

A Maiambiente vai reforçar a recolha de resíduos prioritários e reduzir ou suspender serviços não essenciais. As medidas de carácter excecional entram em vigor no dia 23 de março e por tempo indeterminado.

O Município da Maia vai reajustar a recolha de resíduos “de forma a garantir a proteção da Saúde Pública” e tendo em conta a situação atual causada pelo risco de contaminação pelo novo coronavírus.

Em concreto, a Maiambiente vai reforçar a recolha de resíduos prioritários e reduzir ou suspender serviços não essenciais. As medidas são de carácter excecional e estão definidas no Plano de Contingência da empresa de recolha de resíduos da Maia. Este reajuste entra em vigor às 00.00h do dia 23 de março e por tempo indeterminado.

Ao nível da limpeza pública, serão reforçados os serviços de higienização de contentores no espaço público e de lavagem de arruamentos e de paragens de transportes públicos. Serão ainda reorganizados os serviços de varredura manual.

Resíduos indiferenciados

Ao nível da recolha porta-a-porta, será reforçada a recolha de resíduos indiferenciados, nas habitações uni e bi-familiares, que passará a ser feita duas vezes por semana. Para saber os dias de recolha, os munícipes devem consultar o seu calendário de recolha de resíduos e atender à seguinte reorganização:

  • Se a recolha se realizava à 2.ª feira ou à 5ª feira, passa a ser realizada à 2.ª feira e à 5ª feira;
  • Se a recolha se realizava à 3ª feira ou à 6ª feira, passa a ser realizada à 3.ª feira e à 6ª feira;
  • Se a recolha se realizava à 4.ª feira, passa, também, a ser realizada à 3.ª feira e à 6ª feira.

Recolha de papel, plástico e vidro

A recolha de resíduos valorizáveis (papel/cartão, embalagens metálicas e plásticas e embalagens de vidro) também irá sofrer ajustes.

A recolha seletiva porta-a-porta de papel/cartão, embalagens metálicas e plásticas passa a ser quinzenal, em semanas alternadas, e sempre à 4.ª feira, sendo que se inicia, no dia 25 de março, com a recolha de embalagens metálicas e plásticas.

O vidro continuará a ser recolhido na semana prevista no calendário de resíduos, mas a recolha passa a ser realizada aos sábados.

Suspensa a recolha porta-a-porta de resíduos orgânicos

Nesta fase de contingência, será suspensa a recolha porta-a-porta de resíduos orgânicos, em todas as tipologias de clientes, bem como de serviços não essenciais (objetos volumosos, resíduos elétricos e eletrónicos e resíduos de jardim).

Será ainda suspenso o serviço especial de recolha seletiva porta-a-porta em sacos, nos comércios. A recolha porta-a-porta nos compartimentos das habitações coletivas irá manter-se no modelo vigente.

Os cinco ecocentros existentes no concelho da Maia continuarão em funcionamento mas com horário ajustado. Passarão a funcionar todos, de 2ª feira a sábado, das 9h às 12h e das 14h às 18h, e irão encerrar aos domingos e à 4ª feira. Será ainda limitado o acesso a quatro utilizadores, em simultâneo.

De forma a dar resposta a situações e questões que possam surgir a Maiambiente vai também reforçar a capacidade de atendimento telefónico através da linha 800 20 26 39.

Maia suspende cortes de água e há alterações na recolha de resíduos

COMENTE

Aqui chegado…

...temos uma pequena mensagem para partilhar consigo. Cada vez mais pessoas lêem o NOTÍCIAS MAIA, jornal digital, líder de audiências. Ao contrário de outros órgãos de informação, optámos por não obrigar os leitores a pagarem para lerem as nossas notícias, mantendo o acesso à informação tão livre quanto possível. Por isso, como pode ver, precisamos do seu apoio.

Para podermos apresentar-lhe mais e melhor informação, que inclua mais reportagens e entrevistas e que utilize uma plataforma cada vez mais desenvolvida e outros meios, como o vídeo, precisamos da sua ajuda.

O NOTÍCIAS MAIA é um órgão de comunicação social independente (e sempre será). Isto é importante para podermos confrontar livremente todo e qualquer tipo de poder (político, económico ou religioso) sempre que necessário.

Achámos que, se cada pessoa que lê e gosta de ler o NOTÍCIAS MAIA, apoiar o futuro do nosso projeto, este será cada vez mais importante para o desenvolvimento da sociedade que partilhamos, a nível regional. Pela divulgação, partilha e fiscalização.

Assim, por tão pouco como 1€, você pode apoiar o NOTÍCIAS MAIA - e só demora um minuto. Obrigado.

Publicidade

Publicidade

media & meios

Newsletter

Top