Henisa — Comércio de Produtos Alimentares, Lda., NIPC 501499547, com sede na Travessa dos Penedos, n.° 151, Gueifães, Maia e o seu sócio e gerente Henrique Manuel Teixeira Araújo, com domicilio profissional na indicada morada,

Vêm, ao abrigo da Lei 2/99 de13.01, art.°s 24, 25° e 26°, exercer o direito de resposta e retificação, relativamente à notícia publicada na vossa edição on line do dia 19 de Novembro de 2018, sob o título “PJ fez buscas na Henisa e na residência do sócio-gerente”.

Na referida notícia é dito que ” revendedores que compravam as mercadorias resultantes das burlas, a preço muito abaixo do custo.” É afirmado que “A Henisa, um dos principais compradores, terá adquirido centenas de milhares de euros em bens para revender”. Que “A PJ fez buscas em sua casa“, referindo-se ao sócio-gerente da Henisa.” E que, “O gerente foi libertado, no entanto obrigado a apresentar-se periodicamente às autoridades“.

Tais afirmações não são verdadeiras e põem em causa o bom nome, prestígio e história da Henisa e do seu sócio-gerente e não foram confirmadas junto da gerência da Henisa ou do sócio-gerente Henrique Araújo. Na verdade, a Henisa não comprou bens a preços muito abaixo do custo. Igualmente não comprou centenas de milhares de euros em bens às empresas indiciadas por praticarem atividade criminosa. Não foi realizada busca domiciliária à residência do sócio-gerente Henrique Araújo e o mesmo não ficou sujeito a medida de coação de obrigação de apresentação periódica.

COMENTE

Aqui chegado…

...temos uma pequena mensagem para partilhar consigo. Cada vez mais pessoas lêem o NOTÍCIAS MAIA, jornal digital, líder de audiências. Ao contrário de outros órgãos de informação, optámos por não obrigar os leitores a pagarem para lerem as nossas notícias, mantendo o acesso à informação tão livre quanto possível. Por isso, como pode ver, precisamos do seu apoio.

Para podermos apresentar-lhe mais e melhor informação, que inclua mais reportagens e entrevistas e que utilize uma plataforma cada vez mais desenvolvida e outros meios, como o vídeo, precisamos da sua ajuda.

O NOTÍCIAS MAIA é um órgão de comunicação social independente (e sempre será). Isto é importante para podermos confrontar livremente todo e qualquer tipo de poder (político, económico ou religioso) sempre que necessário.

Achámos que, se cada pessoa que lê e gosta de ler o NOTÍCIAS MAIA, apoiar o futuro do nosso projeto, este será cada vez mais importante para o desenvolvimento da sociedade que partilhamos, a nível regional. Pela divulgação, partilha e fiscalização.

Assim, por tão pouco como 1€, você pode apoiar o NOTÍCIAS MAIA - e só demora um minuto. Obrigado.