Partilhas

As doações de sangue em centros ambulatórios estão suspensas por tempo indeterminado mas, na Maia, já se procura um local provisório para que seja possivem retomar.

A Maia recebia todos os meses um ponto de dádiva de sangue ambulatório na Praça do Município. Todos os meses, a cada dia 11, os maiatos podiam deslocar-se até ao centro da Maia para doar sangue. Este centro ambulatório está agora suspenso por tempo indeterminado. 

Nonna Vespa

O NOTÍCIAS MAIA sabe que o Instituto Português do Sangue e da Transplantação está em processo de diligências para encontrar um novo local provisório e espera ter um novo local em breve. 

Atualmente, devido à pandemia, as universidades e empresas que até aqui organizavam recolhas de sangue, não podem fazê-lo e as unidades móveis não podem circular. No entanto é possível doar sangue nos Centros de Sangue e Transplantação de Lisboa, Porto e Coimbra ou serviços hospitalares com recolha de sangue.

Matosinhos autoriza a Feira de Artesanato até dia 31 de agosto

COMENTE

Aqui chegado…

...temos uma pequena mensagem para partilhar consigo. Cada vez mais pessoas lêem o NOTÍCIAS MAIA, jornal digital, líder de audiências. Ao contrário de outros órgãos de informação, optámos por não obrigar os leitores a pagarem para lerem as nossas notícias, mantendo o acesso à informação tão livre quanto possível. Por isso, como pode ver, precisamos do seu apoio.

Para podermos apresentar-lhe mais e melhor informação, que inclua mais reportagens e entrevistas e que utilize uma plataforma cada vez mais desenvolvida e outros meios, como o vídeo, precisamos da sua ajuda.

O NOTÍCIAS MAIA é um órgão de comunicação social independente (e sempre será). Isto é importante para podermos confrontar livremente todo e qualquer tipo de poder (político, económico ou religioso) sempre que necessário.

Achámos que, se cada pessoa que lê e gosta de ler o NOTÍCIAS MAIA, apoiar o futuro do nosso projeto, este será cada vez mais importante para o desenvolvimento da sociedade que partilhamos, a nível regional. Pela divulgação, partilha e fiscalização.

Assim, por tão pouco como 1€, você pode apoiar o NOTÍCIAS MAIA - e só demora um minuto. Obrigado.