O Colégio Externato Imaculada Conceição é um projeto educativo de matriz cristã, localizado na Maia. No início de maio estivemos no Dia Aberto deste estabelecimento de ensino que juntou as famílias e escola. Ficamos a conhecer melhor esta instituição que mudou recentemente os órgãos diretivos, mas mantém o acompanhamento e crescimento das crianças e a sua educação, segundo valores Cristãos. ​Falamos com o seu diretor, Luís Fernandes, com Ivo Manuel Pinheiro, pai de uma aluna de 7 anos, com Hugo Gonçalves, professor do 2º ciclo, com a Tucha, educadora que trabalha no colégio há já 30 anos e com a Maria Leonor, aluna do 6º ano.

O professor Luís Fernandes é o Diretor do Colégio. Com 39 anos, nascido na Figueira da Foz, é licenciado em Filosofia pela Universidade Nova de Lisboa, tem um Mestrado em Estética Filosófica na Universidade do Porto e um Master em Direção de Colégios pela Universidade Villanueva.

NM: Há quanto tempo existe o Colégio Externato Imaculada Conceição?

LF: O colégio tem cerca 70 anos e foi até há pouco tempo propriedade da Congregação das Religiosas Missionárias do Santíssimo Sacramento e Maria Imaculada. Em dezembro de 2018 foi adquirido pela Fundação Arenales, uma fundação sem fins lucrativos sediada em Espanha com vários colégios em países como Espanha, Alemanha e Bulgária, Angola, sendo este o primeiro em Portugal. Assumimos o compromisso de continuarmos o projeto educativo já existente, fazendo a atualização para os dias de hoje.

NM: Qual a oferta educativa atual do Colégio Externato Imaculada Conceição?

LF: Temos uma oferta educativa que vai da creche até ao sexto ano. Estamos a estudar a possibilidade de a curto ou médio prazo, abrir o 3º ciclo. De momento contamos com 198 alunos, provenientes na sua maioria da Maia e Matosinhos, apoiados por 22 docentes. Para o próximo ano letivo estamos á espera de um aumento do número de alunos e atualmente temos essa capacidade.

Leia o artigo completo na edição número 2 da revista Notícias Maia, disponível em mais de 180 pontos de venda.

 

COMENTE

Aqui chegado…

...temos uma pequena mensagem para partilhar consigo. Cada vez mais pessoas lêem o NOTÍCIAS MAIA, jornal digital, líder de audiências. Ao contrário de outros órgãos de informação, optámos por não obrigar os leitores a pagarem para lerem as nossas notícias, mantendo o acesso à informação tão livre quanto possível. Por isso, como pode ver, precisamos do seu apoio.

Para podermos apresentar-lhe mais e melhor informação, que inclua mais reportagens e entrevistas e que utilize uma plataforma cada vez mais desenvolvida e outros meios, como o vídeo, precisamos da sua ajuda.

O NOTÍCIAS MAIA é um órgão de comunicação social independente (e sempre será). Isto é importante para podermos confrontar livremente todo e qualquer tipo de poder (político, económico ou religioso) sempre que necessário.

Achámos que, se cada pessoa que lê e gosta de ler o NOTÍCIAS MAIA, apoiar o futuro do nosso projeto, este será cada vez mais importante para o desenvolvimento da sociedade que partilhamos, a nível regional. Pela divulgação, partilha e fiscalização.

Assim, por tão pouco como 1€, você pode apoiar o NOTÍCIAS MAIA - e só demora um minuto. Obrigado.