Notícias Maia

Guarda-redes menos batido da II Liga espanhola é da Maia

Partilhas

Natural de Águas Santas, Rui Silva, de 25 anos, atuou no Maia Lidador até 2012. O seu desempenho em Espanha mereceu em janeiro a distinção de melhor guarda-redes da primeira volta.

Atualmente representa o Granada, atual segundo classificado da competição com 57 pontos, menos 3 que Osasuna e mais 4 que o Albacete, que segue em terceiro.

Em declarações à Lusa, o guardião afirma que “é a melhor época da minha carreira, uma vez que já consegui bater o meu recorde de jogos . Sinto-me totalmente outro guarda-redes em termos de regularidade, confiança e estado emocional”.

Rui Silva é o único totalista do conjunto andaluz, tendo sofrido 18 golos em 29 jogos e mantido a baliza imaculada em 15 ocasiões, tal como ocorreu no domingo passado, no empate a zero com o Almería.

Ao chegar a Espanha, no inverno de 2017, proveniente do CD Nacional, o Granada CF integrava a primeira divisão espanhola, numa altura em que o titular era o internacional mexicano Guillermo Ochoa. No entanto, a equipa acabou por ser relegada no final da época, sem que Rui tivesse a oportunidade de se estrear.

Apesar do possível regresso da equipa ao topo do futebol espanhol, após dois anos, o jogador natural da Maia não dá a subida como garantida, preferindo pensar numa jornada de cada vez. “Estamos a fazer uma época muito regular e fomos a melhor equipa visitante, mas o objetivo é ganhar jogo a jogo e somar o máximo de pontos possíveis. Esta divisão é bonita e complicada ao mesmo tempo: tanto posso ganhar dois jogos e ficar em cima como, na semana seguinte, perco e já estou de novo dois ou três lugares abaixo”, acautelou.

COMENTE

Publicidade

Publicidade

media & meios

Newsletter

Mais Populares

Top