O cidadão, de nacionalidade estrangeira, foi detido pelo SEF quando tentava embarcar com destino a Stansted, no Reino Unido.

O Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) deteve um indivíduo, de 21 anos, quando este tentava embarcar num voo para o Reino Unido no Aeroporto Francisco Sá Carneiro, na Maia. A detenção ocorreu porque o cidadão, de nacionalidade estrangeira, estava na posse de um bilhete de identidade romeno falsificado.

O SEF comunicou que o homem foi detido pela “prática do crime de uso documento falsificado e por se encontrar na situação de permanência irregular em território nacional”. O detido foi entretanto presente ao Tribunal Judicial da Comarca da Maia onde o juiz determinou a sua instalação na Unidade Habitacional de Santo António enquanto aguarda pelo processo instaurado pelo SEF.

Esta unidade foi criada pelos Médicos pelo Mundo exatamente para este tipo de situação onde os cidadãos estrangeiros estão sujeitos a uma medida de afastamento do território português e esperam desenvolvimentos no processo de afastamento do país.

COMENTE

Aqui chegado…

...temos uma pequena mensagem para partilhar consigo. Cada vez mais pessoas lêem o NOTÍCIAS MAIA, jornal digital, líder de audiências. Ao contrário de outros órgãos de informação, optámos por não obrigar os leitores a pagarem para lerem as nossas notícias, mantendo o acesso à informação tão livre quanto possível. Por isso, como pode ver, precisamos do seu apoio.

Para podermos apresentar-lhe mais e melhor informação, que inclua mais reportagens e entrevistas e que utilize uma plataforma cada vez mais desenvolvida e outros meios, como o vídeo, precisamos da sua ajuda.

O NOTÍCIAS MAIA é um órgão de comunicação social independente (e sempre será). Isto é importante para podermos confrontar livremente todo e qualquer tipo de poder (político, económico ou religioso) sempre que necessário.

Achámos que, se cada pessoa que lê e gosta de ler o NOTÍCIAS MAIA, apoiar o futuro do nosso projeto, este será cada vez mais importante para o desenvolvimento da sociedade que partilhamos, a nível regional. Pela divulgação, partilha e fiscalização.

Assim, por tão pouco como 1€, você pode apoiar o NOTÍCIAS MAIA - e só demora um minuto. Obrigado.