A celebração da Nossa Senhora do Bom Despacho será diferente mas não deixará de acontecer. As missas mantém-se e parte da iluminação festiva também.

As Festas da Nossa Senhora do Bom Despacho este ano serão diferentes. A habitual folia dará lugar à acalmia mas a data não vai passar em branco. Não haverá procissão mas as tradicionais missas mantém-se. Também a iluminação festiva já pode ser vista nas pontes, onde é normalmente colocada, e no percurso da rua que liga a Nossa Senhora do Bom Despacho e a Capela da Maia, junto à feira.

Cozinca

Nuno Raposo, presidente da Comissão de Festas, informou o NOTÍCIAS MAIA sobre as celebrações que se mantém e explicou que tudo foi pensado para que as normas da Direção Geral da Saúde fossem respeitadas.

Além das iluminações, como é já habitual, sábado, dia 11, haverá a Missa Vespertina às 19h na Igreja da Nossa da Maia.

No domingo, dia 12, pelas 10:30h acontece a Missa Campal no adro do Santuário da Nossa Senhora do Bom Despacho. Não haverá procissão mas o andor sairá da igreja e será colocado também no adro da Nossa Senhora do Bom Despacho.

Na segunda-feira, dia 13, haverá missa às 9:00h e às 11:00h. Esta segunda missa será também realizada no exterior da Santuário da Nossa Senhora do Bom Despacho. Esta missa será especial porque trata-se da primeira missa celebrada por João Sarmento, um jovem maiato que foi ordenado padre jesuíta no passado dia 5 de julho. João Sarmento foi batizado nesta igreja. 

A celebração das missas campais contará com a ajuda da Polícia Municipal para o corte das ruas. Serão colocadas cadeiras no espaço exterior e, para que seja possível manter as regras de segurança, o uso de máscara será recomendado.

Recorde a entrevista com o presidente da Comissão de Festas, Nuno Raposo, na nossa edição de junho. 

Nuno Raposo: “Uma festa como esta é incompatível com o distanciamento social”

COMENTE

Aqui chegado…

...temos uma pequena mensagem para partilhar consigo. Cada vez mais pessoas lêem o NOTÍCIAS MAIA, jornal digital, líder de audiências. Ao contrário de outros órgãos de informação, optámos por não obrigar os leitores a pagarem para lerem as nossas notícias, mantendo o acesso à informação tão livre quanto possível. Por isso, como pode ver, precisamos do seu apoio.

Para podermos apresentar-lhe mais e melhor informação, que inclua mais reportagens e entrevistas e que utilize uma plataforma cada vez mais desenvolvida e outros meios, como o vídeo, precisamos da sua ajuda.

O NOTÍCIAS MAIA é um órgão de comunicação social independente (e sempre será). Isto é importante para podermos confrontar livremente todo e qualquer tipo de poder (político, económico ou religioso) sempre que necessário.

Achámos que, se cada pessoa que lê e gosta de ler o NOTÍCIAS MAIA, apoiar o futuro do nosso projeto, este será cada vez mais importante para o desenvolvimento da sociedade que partilhamos, a nível regional. Pela divulgação, partilha e fiscalização.

Assim, por tão pouco como 1€, você pode apoiar o NOTÍCIAS MAIA - e só demora um minuto. Obrigado.