A inovação da horta comunitária do Sobreiro é o espaço de compostagem que permitirá a transformação dos resíduos num composto que serve de adubo às hortas biológicas.

O presidente da Câmara Municipal da Maia entregou esta quarta feira, 5 de maio, 56 talhões destinados à implementação de hortas sociais biológicas nos Jardins do Sobreiro.

Cozinca

O concelho da Maia já integra diversas hortas, no entanto esta em específico traz a inovação de um espaço de compostagem comunitária, que permitirá aos moradores da zona dar um destino adequado aos resíduos provenientes da preparação de refeições, originando um composto orgânico que será usado como adubo nas hortas, seguindo uma lógica de circularidade.

O espaço de compostagem está dividido em 3 diferentes fases e visa a degradação e transformação dos resíduos em composto. Um processo que terá uma duração de cerca de quatro ou cinco meses.

Nesse sentido, o utilizador procede ao depósito dos resíduos verdes e depois junta os materiais secos para criar um equilíbrio e ajudar à compostagem.

“Este projeto insere-se num outro projeto mais estruturante que é o Living Lab. O compromisso pode depois ser replicado no restante concelho se conseguirmos atingir o objetivo de ter um balanço zero de carbono em 2025”, segundo comunicou o Presidente da Câmara Municipal da Maia na sessão de abertura.

Para que o processo seja bem estruturado, os utilizadores terão o acompanhamento de cinco mestres de compostagem, que irão receber formação nesse sentido, e reportar à Lipor os avanços.

Esta iniciativa, que prevê promoção de um estilo de vida sustentável para os cidadãos, traduz-se no primeiro compustor comunitário que a Lipor está a acompanhar e é o primeiro integrado no município da Maia.

COMENTE

Aqui chegado…

...temos uma pequena mensagem para partilhar consigo. Cada vez mais pessoas lêem o NOTÍCIAS MAIA, jornal digital, líder de audiências. Ao contrário de outros órgãos de informação, optámos por não obrigar os leitores a pagarem para lerem as nossas notícias, mantendo o acesso à informação tão livre quanto possível. Por isso, como pode ver, precisamos do seu apoio.

Para podermos apresentar-lhe mais e melhor informação, que inclua mais reportagens e entrevistas e que utilize uma plataforma cada vez mais desenvolvida e outros meios, como o vídeo, precisamos da sua ajuda.

O NOTÍCIAS MAIA é um órgão de comunicação social independente (e sempre será). Isto é importante para podermos confrontar livremente todo e qualquer tipo de poder (político, económico ou religioso) sempre que necessário.

Achámos que, se cada pessoa que lê e gosta de ler o NOTÍCIAS MAIA, apoiar o futuro do nosso projeto, este será cada vez mais importante para o desenvolvimento da sociedade que partilhamos, a nível regional. Pela divulgação, partilha e fiscalização.

Assim, por tão pouco como 1€, você pode apoiar o NOTÍCIAS MAIA - e só demora um minuto. Obrigado.