A Rede Nacional de Municípios Amigos da Juventude foi criada em 2020 e já conta com mais de 70 Municípios.

A Maia aderiu à Rede Nacional de Municípios Amigos da Juventude, integrando, como membro fundador, esta plataforma criada pela FNAJ (Federação Nacional das Associações Juvenis). Fundada no final de 2020, já conta com mais de 70 Municípios.

Cozinca

Esta rede nacional tem como missão consolidar a ligação e cooperação entre o movimento associativo juvenil e as autarquias, traduzindo-se numa rede de contacto e compromisso para a implementação de reais políticas de juventude, promovendo uma abordagem inovadora na forma de encarar as questões da participação jovem.

“A pertença a esta rede, pioneira na conceção, implementação e avaliação de políticas locais de Juventude estruturantes e sustentáveis, eleva o atual compromisso da autarquia com a/os jovens do concelho, potenciando a criação de mais e melhores políticas amigas da Juventude, por meio da partilha de boas práticas, da criação de estratégias e da promoção de sinergias associativas e municipais, que esta plataforma encerra”, explica o município.

A Rede Nacional de Municípios Amigos da Juventude prestará apoio na criação e otimização das ferramentas de participação e dos espaços de diálogo jovem, potenciando a dinamização de planos de ação de políticas amigas da Juventude e de projetos que se adequem às suas intenções.

COMENTE

Aqui chegado…

...temos uma pequena mensagem para partilhar consigo. Cada vez mais pessoas lêem o NOTÍCIAS MAIA, jornal digital, líder de audiências. Ao contrário de outros órgãos de informação, optámos por não obrigar os leitores a pagarem para lerem as nossas notícias, mantendo o acesso à informação tão livre quanto possível. Por isso, como pode ver, precisamos do seu apoio.

Para podermos apresentar-lhe mais e melhor informação, que inclua mais reportagens e entrevistas e que utilize uma plataforma cada vez mais desenvolvida e outros meios, como o vídeo, precisamos da sua ajuda.

O NOTÍCIAS MAIA é um órgão de comunicação social independente (e sempre será). Isto é importante para podermos confrontar livremente todo e qualquer tipo de poder (político, económico ou religioso) sempre que necessário.

Achámos que, se cada pessoa que lê e gosta de ler o NOTÍCIAS MAIA, apoiar o futuro do nosso projeto, este será cada vez mais importante para o desenvolvimento da sociedade que partilhamos, a nível regional. Pela divulgação, partilha e fiscalização.

Assim, por tão pouco como 1€, você pode apoiar o NOTÍCIAS MAIA - e só demora um minuto. Obrigado.