Partilhas

Homem não tinha habilitação legal e foi encontrada uma infração relativamente ao seguro no carro.

A GNR intercetou um condutor depois do mesmo ter desobedecido a uma ordem de paragem e iniciado uma fuga. O incidente aconteceu esta segunda-feira, 22 de fevereiro, pelas 10h30, durante uma operação de fiscalização da circulação entre concelhos, no Túnel de Águas-Santas da A4, sentido Amarante-Porto.

A notícia é do Correio da Manhã e dá conta de que o homem, assim que percebeu que iria ser alvo de fiscalização por parte da GNR, terá iniciado uma fuga. A GNR iniciou uma perseguição com três carros patrulha e acabou por intercetar o carro, escoltando-o de volta para o espaço da fiscalização.

No carro seguia um homem, que conduzia o carro, e ainda uma mulher e uma criança de 10 anos.

Feita fiscalização, a GNR concluiu que o homem não possuía habilitação legal e que existia ainda uma infração relativamente ao seguro. 

O condutor acabou detido e será depois notificado para comparecer em Tribunal.

COMENTE

Aqui chegado…

...temos uma pequena mensagem para partilhar consigo. Cada vez mais pessoas lêem o NOTÍCIAS MAIA, jornal digital, líder de audiências. Ao contrário de outros órgãos de informação, optámos por não obrigar os leitores a pagarem para lerem as nossas notícias, mantendo o acesso à informação tão livre quanto possível. Por isso, como pode ver, precisamos do seu apoio.

Para podermos apresentar-lhe mais e melhor informação, que inclua mais reportagens e entrevistas e que utilize uma plataforma cada vez mais desenvolvida e outros meios, como o vídeo, precisamos da sua ajuda.

O NOTÍCIAS MAIA é um órgão de comunicação social independente (e sempre será). Isto é importante para podermos confrontar livremente todo e qualquer tipo de poder (político, económico ou religioso) sempre que necessário.

Achámos que, se cada pessoa que lê e gosta de ler o NOTÍCIAS MAIA, apoiar o futuro do nosso projeto, este será cada vez mais importante para o desenvolvimento da sociedade que partilhamos, a nível regional. Pela divulgação, partilha e fiscalização.

Assim, por tão pouco como 1€, você pode apoiar o NOTÍCIAS MAIA - e só demora um minuto. Obrigado.