fbpx

Notícias Maia

Maia foi das regiões mais afetadas por falhas na NOS e Vodafone

Partilhas

Terça-feira foi um dia difícil para as operadoras. Depois da NOS ter resolvido os problemas na sua rede, também os clientes da Vodafone reportaram dificuldades no acesso à Internet.

Vários utilizadores deram conta dos problemas no portal Downdetector, que monitoriza o funcionamento de várias plataformas, empresas ou serviços de rede mediante as reclamações apresentadas pelos utilizadores.

A maioria das notificações dos clientes da Vodafone deu-se por volta das 23h00, sendo que as regiões mais afetadas foram Maia, Lisboa, Porto, Amadora, Leiria, Coimbra, Gaia, Braga e Odivelas. Há relatos de utilizadores que ficaram “quatro horas sem Internet”, conforme se pode ler.

De acordo com o Notícias ao Minuto, a NOS explicou que ocorreu um “incidente grave” explicado por “uma anomalia simultânea de dois sistemas de processamento de tráfego”, tendo afetado o serviço na manhã de terça-feira. Horas depois, vários utilizadores da Vodafone ficaram também impossibilitados de aceder à Internet.

Fonte oficial da Vodafone confirmou ao mesmo portal que na origem do problema esteve uma avaria de software, sendo que a situação ficou resolvida por volta das 00h30. A Vodafone terá identificado imediatamente a causa do problema e ativou todos os meios para repor a situação dentro do mais curto espaço de tempo possível”.

Os problemas na NOS começaram por volta das 10h30 de terça-feira, tendo a operadora notificado a ANACOM desse mesmo problema, confirmou ainda o Notícias ao Minuto. De acordo com a operadora de telecomunicações, que anunciou a total reposição dos serviços por volta das 15h00, a falha ficou a dever-se a “uma anomalia simultânea de dois sistemas de processamento de tráfego”. Justificou ainda a operadora que esta situação “tem uma probabilidade absolutamente ínfima, dados os múltiplos níveis de redundância: lógica, física e geográfica”, acrescentou. Por este motivo, a NOS foi obrigada a ativar planos de contingência, para garantir que os serviços eram repostos rapidamente.

COMENTE

Publicidade

Publicidade

media & meios

Newsletter

Mais Populares

Top