Notícias Maia

Metro transportou 60 milhões de passageiros em 2017

Partilhas

O Metro do Porto transportou no ano passado mais 2,6 milhões de passageiros do que em 2016, com um total de 60,6 milhões de validações, sendo “o melhor registo de procura de sempre”.

“O recorde absoluto de procura alcançado em 2017 reforça a linha de crescimento que o Metro apresenta praticamente desde o primeiro ano de operação”, declarou à Agência Lusa, o presidente do Conselho de Administração da Metro do Porto, Jorge Delgado.

Os 60,6 milhões de validações contabilizados em 2017, são “um resultado notável, mas que apenas faz aumentar a nossa responsabilidade e a nossa exigência no sentido de continuar a prestar um serviço de muita qualidade à população. Por outro lado, estes números – a somar aos estudos técnicos muito profundos e às decisões tomadas pelo Governo e, em concreto, pelo Ministério do Ambiente quanto à expansão da rede – são mais um dado que contribui para as expectativas que todos temos quanto à justificação e à viabilidade económica das novas linhas”, acrescentou Jorge Delgado.

Os números revelam que “todas as linhas da rede deram um contributo positivo para o crescimento, com destaque, em termos absolutos, para o tronco comum Senhora da Hora–Estádio do Dragão”, onde surgiu quase 50 por cento do aumento das validações, correspondentes a um acréscimo de cerca de 1,3 milhões de clientes e uma subida de 4,1 por cento. A Linha Amarela, que liga o Hospital de São João a Santo Ovídio também se destacou representando “um terço dessa subida, com mais de 800 mil novos clientes, equivalente a 4,9 por cento de crescimento”.

Percentualmente a Linha Violeta, que serve o aeroporto, foi a que mais cresceu

A Linha Violeta (E), que serve o aeroporto do Porto, cresceu 11 por cento, estimando-se que em 2017 mais de 1,9 milhões de pessoas tenham utilizado este troço.

 

COMENTE

Publicidade

Publicidade

media & meios

Newsletter

Top