O novo coronavírus já infetou mais de 3,6 milhões de pessoas e matou 252 mil em todo o mundo.

A 5 de maio de 2020, a Pandemia de Covid-19 ultrapassou a barreira dos 250 mil mortos. Um número que não mostra sinais de abrandar e que, no dia 26 de Abril, estava nos 200 mil. Em pouco mais de uma semana, o vírus fez mais 50 mil vítimas mortais em todo o mundo.

Ordem dos Advogados Maia

O número global de infetados está nos 3 603 217 sendo os Estados Unidos da América o país que regista mais casos de contágio com mais de 1 milhão e 180 mil pessoas infetadas. Enquanto país, os EUA são também o território com maios número de mortos. Até então, são mais de 68 mil.

Segundo o mapa criado pela Universidade John Hopkins, nos EUA, que tem como fonte dados a Organização Mundial da Saúde, os Centros para Prevenção e Controlo de Doenças dos EUA e da China assim como a Comissão Nacional de Saúde da China, na última atualização, às 13:32h deste dia 5 de Maio de 2020, depois dos EUA, é a Itália o país com maior número de mortes (29 079 óbitos a lamentar). Segue-se o Reino Unido com 28 809 mortes e a Espanha, com 25 428 vítimas mortais da Covid-19. Na Europa, o país com maior número de infetados continua a ser a Espanha, com 218 011 casos confirmados.

Na América do Sul é o Brasil o país com maior número de mortes e contágios. Já são mais de 100 mil os infetados e 7 367 o número de vítimas mortais. O Brasil é o 7º país com mais óbitos causados pelo novo coronavírus.

Em Portugal, os últimos dados revelados pela Direção Geral da Saúde dão conta de 25 702 casos confirmados, 1 743 casos de recuperação e 1 074 óbitos a lamentar.

Covid-19: Mais um dia sem casos novos na Maia

 

COMENTE

Aqui chegado…

...temos uma pequena mensagem para partilhar consigo. Cada vez mais pessoas lêem o NOTÍCIAS MAIA, jornal digital, líder de audiências. Ao contrário de outros órgãos de informação, optámos por não obrigar os leitores a pagarem para lerem as nossas notícias, mantendo o acesso à informação tão livre quanto possível. Por isso, como pode ver, precisamos do seu apoio.

Para podermos apresentar-lhe mais e melhor informação, que inclua mais reportagens e entrevistas e que utilize uma plataforma cada vez mais desenvolvida e outros meios, como o vídeo, precisamos da sua ajuda.

O NOTÍCIAS MAIA é um órgão de comunicação social independente (e sempre será). Isto é importante para podermos confrontar livremente todo e qualquer tipo de poder (político, económico ou religioso) sempre que necessário.

Achámos que, se cada pessoa que lê e gosta de ler o NOTÍCIAS MAIA, apoiar o futuro do nosso projeto, este será cada vez mais importante para o desenvolvimento da sociedade que partilhamos, a nível regional. Pela divulgação, partilha e fiscalização.

Assim, por tão pouco como 1€, você pode apoiar o NOTÍCIAS MAIA - e só demora um minuto. Obrigado.