A proposta da Câmara Municipal da Maia, um dos 38 municípios que formam o Eixo Atlântico, e que consta do pacote de ações para a melhoria da rede ferroviárias da região Norte, sugere a criação de “uma comunicação direta entre a Linha do Minho e o Aeroporto Francisco Sá Carneiro, sem ser necessário mudar de comboio na Estação de Campanhã”.

Num documento citado pela Lusa, explica-se que esta nova conexão “permitiria ao aeroporto ter uma ligação direta com o principal corredor de transporte ferroviário que liga a Corunha a Lisboa, o que permitiria servir melhor as pessoas e as empresas, com um impacto positivo na economia da Eurorregião”.

Nonna Vespa

A menor distância entre as duas infraestruturas situa-se nos arredores da Estação de Leandro, São Pedro Fins, que dista em linha reta 9,7 Km.

Ainda de acordo com o mesmo documento, esta ligação permitiria à Maia “ter acesso direto à rede ferroviária de bitola larga de Portugal através da Linha do Minho, com todas as vantagens que implicaria para os seus habitantes e para as empresas aí localizadas.”

No relatório de 170 páginas, são elencadas as propostas de investimento na área dos transportes, em ambos os lados da fronteira.

O Eixo Atlântico é uma associação transfronteiriça dos municípios do Noroeste Peninsular, atualmente presidida pelo alcalde de O Barco de Valdeorras, em Ourense, e que tem na vice-presidência Luísa Salgueiro, autarca da Câmara de Matosinhos.

COMENTE

Aqui chegado…

...temos uma pequena mensagem para partilhar consigo. Cada vez mais pessoas lêem o NOTÍCIAS MAIA, jornal digital, líder de audiências. Ao contrário de outros órgãos de informação, optámos por não obrigar os leitores a pagarem para lerem as nossas notícias, mantendo o acesso à informação tão livre quanto possível. Por isso, como pode ver, precisamos do seu apoio.

Para podermos apresentar-lhe mais e melhor informação, que inclua mais reportagens e entrevistas e que utilize uma plataforma cada vez mais desenvolvida e outros meios, como o vídeo, precisamos da sua ajuda.

O NOTÍCIAS MAIA é um órgão de comunicação social independente (e sempre será). Isto é importante para podermos confrontar livremente todo e qualquer tipo de poder (político, económico ou religioso) sempre que necessário.

Achámos que, se cada pessoa que lê e gosta de ler o NOTÍCIAS MAIA, apoiar o futuro do nosso projeto, este será cada vez mais importante para o desenvolvimento da sociedade que partilhamos, a nível regional. Pela divulgação, partilha e fiscalização.

Assim, por tão pouco como 1€, você pode apoiar o NOTÍCIAS MAIA - e só demora um minuto. Obrigado.