Notícias Maia

Silva Tiago esclarece valor da Cidade Desportiva: “Custou 1,6 milhões”

Partilhas

Após a Agência Lusa divulgar que o custo da Cidade Desportiva teria sido de 5 milhões de euros, gerou-se discórdia em torno deste valor. Ouvido pelo Notícias Maia, à margem da cerimónia de inauguração, o presidente da Câmara Municipal da Maia, António Silva Tiago, explicou que essa obra custou apenas €1,6M.

“A intervenção, aqui na cidade desportiva, custa ao município qualquer coisa como €1,6M. É comparticipada pelos fundos comunitários em 85%. Portanto o município só assume 15% deste investimento. Procuramos linhas de financiamento que permitam fazer as coisas com ganhos económicos”, afirmou o presidente do município.

“Para além deste investimento vão acontecer, em toda a envolvência deste quarteirão (Cidade Desportiva, Avenida Dom Manuel II, Avenida Altino Coelho e Avenida Luís de Camões) intervenções de requalificação urbana, com passeios, com baias de estacionamento, com iluminação nova, com mobiliário urbano e circuitos de bicicleta. Essa intervenção toda é que custará cinco milhões de euros e também esses investimentos são comparticipados pelo Portugal 2020, em percentagens na ordem dos 80% a 85%”, explicou António Silva Tiago.

A Cidade Desportiva contempla zonas verdes, um lago, um skate parque, uma cafetaria e caminhos pedestres a ligar o Estádio Municipal, o Complexo de Ténis da Maia e o Pavilhão Gimnodesportivo.

A entrevista

“Uma excelente operação municipal”

No dia 25 de outubro, o vereador Mário Nuno Neves, eleito pela coligação Maia em Primeiro, tinha desmentido nas redes sociais que os valores avançados estivessem corretos, afirmando que os cinco milhões de euros eram “valores completamente errados”, sendo que o custo teria sido de “um milhão e seiscentos mil e financiados a 85%”. Mário Nuno Neves considerou que esta foi uma “excelente operação municipal”.

“Com este murete, jogar seguro só de capacete”

No momento em que se descerrava a placa comemorativa da inauguração da nova Cidade Desportiva da Maia, foi possível ouvir ao longe cerca de uma dezena de manifestantes, que exibiam uma tarja onde se lia “Com este murete, jogar seguro só de capacete”.

 

COMENTE

Publicidade

media & meios

Newsletter

Top
Fórum da Maia - 30 de novembro - 21.30h

Salvador Martinha

Salvador Martinha vai finalmente apresentar o seu novo espetáculo de Stand-Up, Cabeça Ausente, no Fórum da Maia. Compre já o seu bilhete.
close-link