Partilhas

O voo entre Lisboa e São Paulo é só para passageiros da TAP e encheu com bilhetes que chegaram a ser vendidos por mais de 1350 euros. Sentido inverso chegou aos 1800 euros.

O bilhete no voo de Lisboa para São Paulo, operado pela TAP e criado “por razões humanitárias”, tal como anunciado pelo ministro dos Negócios Estrangeiros, estava a ser vendido pelo valor de 837 euros no início do dia de ontem. Horas depois, os “últimos lugares” estavam a ser disponibilizados por 1353,90 euros, de acordo com o jornal Público.

Cozinca

Pelo menos cinco centenas de cidadãos das duas nacionalidades (os que estão em Portugal e querem regressar ao Brasil ou aqueles que estão no Brasil e querem regressar a Portugal) viram os seus voos serem várias vezes remarcados desde o fecho das fronteiras.

O voo realiza-se porque os dois governos o autorizaram e assim, entre 26 e 27 de fevereiro, um Airbus 330 da TAP, com 298 lugares, viaja para o Brasil e de volta a Portugal.

1800 euros para regressar do Brasil a Portugal

Os cidadãos que querem regressar do Brasil a Portugal estão a ser confrontados com elevados preços para embarcarem no voo de repatriamento promovido pelo Governo e pela TAP. Passageiros com bilhete para voos de companhias como a Latam ou a Azul estão impossibilitadas de embarcar sem pagarem o bilhete do voo da companhia detida pelo Estado Português.

Os 1800 euros pedidos pela TAP representam cerca do triplo do preço normalmente praticado pela empresa.

À TSF, fonte oficial da TAP garantiu que “o preço foi definido em função do momento em que a operação para o Brasil está suspensa e dos custos da TAP para operar um voo ad hoc”.

 

COMENTE

Aqui chegado…

...temos uma pequena mensagem para partilhar consigo. Cada vez mais pessoas lêem o NOTÍCIAS MAIA, jornal digital, líder de audiências. Ao contrário de outros órgãos de informação, optámos por não obrigar os leitores a pagarem para lerem as nossas notícias, mantendo o acesso à informação tão livre quanto possível. Por isso, como pode ver, precisamos do seu apoio.

Para podermos apresentar-lhe mais e melhor informação, que inclua mais reportagens e entrevistas e que utilize uma plataforma cada vez mais desenvolvida e outros meios, como o vídeo, precisamos da sua ajuda.

O NOTÍCIAS MAIA é um órgão de comunicação social independente (e sempre será). Isto é importante para podermos confrontar livremente todo e qualquer tipo de poder (político, económico ou religioso) sempre que necessário.

Achámos que, se cada pessoa que lê e gosta de ler o NOTÍCIAS MAIA, apoiar o futuro do nosso projeto, este será cada vez mais importante para o desenvolvimento da sociedade que partilhamos, a nível regional. Pela divulgação, partilha e fiscalização.

Assim, por tão pouco como 1€, você pode apoiar o NOTÍCIAS MAIA - e só demora um minuto. Obrigado.