Partilhas

Os menores de 50 anos que queiram ser inoculados com este fármaco poderão fazê-lo desde que expressem o seu consentimento.

A vacina contra a covid-19 da Janssen, do grupo Johnson & Johnson, vai ser administrada em Portugal apenas às pessoas com mais de 50 anos, disse esta sexta-feira, 30 de abril, o secretário de Estado da Saúde.

Lacerda Sales revelou que as autoridades de saúde estão a seguir “as recomendações internacionais” e que vacina vai começar já a ser administrada, tendo a norma também sido já publicada pela DGS.

Segundo esta missiva, “em Portugal, recomenda-se, à data, que Covid-19 Vaccine Janssen seja utilizada em pessoas com 50 ou mais anos de idade”. “Os estudos em curso e os dados que continuam a ser analisados pela Agência Europeia de Medicamentos podem justificar a revisão desta recomendação a qualquer momento”, lê-se ainda.

Ainda segundo estas orientações, “as pessoas com menos de 50 anos de idade, que assim o desejem podem ser vacinadas com a covid-19 Vaccine Janssen, desde que sejam devidamente informadas sobre os benefícios e os riscos, e concedam expressamente o seu consentimento informado”.

Toma da segunda dose da Astrazeneca opcional para menores de 60 anos

O secretário de Estado comunicou ainda que a toma da segunda dose da Astrazeneca será opcional para menores de 60 anos. “A recomendação é que a segunda dose seja da Astrazeneca. Se, por qualquer motivo, não quiserem essa, terão possibilidade de optar por outra vacina, no seu devido tempo”, explicou o governante.

Lacerda Sales assumiu que ele próprio terá a segunda dose da Astrazeneca e que essa é a recomendação ao nível internacional.

COMENTE

Aqui chegado…

...temos uma pequena mensagem para partilhar consigo. Cada vez mais pessoas lêem o NOTÍCIAS MAIA, jornal digital, líder de audiências. Ao contrário de outros órgãos de informação, optámos por não obrigar os leitores a pagarem para lerem as nossas notícias, mantendo o acesso à informação tão livre quanto possível. Por isso, como pode ver, precisamos do seu apoio.

Para podermos apresentar-lhe mais e melhor informação, que inclua mais reportagens e entrevistas e que utilize uma plataforma cada vez mais desenvolvida e outros meios, como o vídeo, precisamos da sua ajuda.

O NOTÍCIAS MAIA é um órgão de comunicação social independente (e sempre será). Isto é importante para podermos confrontar livremente todo e qualquer tipo de poder (político, económico ou religioso) sempre que necessário.

Achámos que, se cada pessoa que lê e gosta de ler o NOTÍCIAS MAIA, apoiar o futuro do nosso projeto, este será cada vez mais importante para o desenvolvimento da sociedade que partilhamos, a nível regional. Pela divulgação, partilha e fiscalização.

Assim, por tão pouco como 1€, você pode apoiar o NOTÍCIAS MAIA - e só demora um minuto. Obrigado.