Notícias Maia

“500 anos do Foral da Maia”: Exposição a ver até 2021

© DR
Partilhas

A exposição que celebra os “500 anos do Foral da Maia” está no Museu de História e Etnologia da Terra da Maia e pode ser visitada até ao final do ano de 2021.

A exposição “500 anos do Foral da Maia” está aberta ao público no Museu de História e Etnologia da Terra da Maia. A mostra foi inaugurada no sábado, dia 28 de setembro, e deverá manter-se até ao fim de 2021.

Esta exposição pretende levar os visitantes a uma viagem no tempo, desde o século XI até ao século XVI. Neste lapso de tempo, conta-se a história dos forais e, particularmente, do Foral da Maia, mas também a história do território maiato e de quem lá viveu. O Foral da Maia foi concedido por D. Manuel I a 15 de dezembro de 1519.

Os forais começaram por ser atribuídos por razões de povoamento, organização do território e defesa, para incentivar o povoamento do território ou por razões de defesa. No final do reinado de D. João II as queixas eram cada vez mais, o que levaria a uma profunda reforma dos forais, levada a cabo por D. Manuel I. Estes documentos ficaram conhecidos como Forais Novos e entre os muitos concedidos no reinado manuelino está o Foral da Maia.

A mostra desenrola-se em dois momentos, com o primeiro a ser uma breve história dos forais, desde a primeira atribuição até à reforma manuelina. O segundo momento tem que ver com o Foral da Maia e o seu contexto, nomeadamente a sua importância na estruturação do território e na vida dos seus habitantes.

O documento original desapareceu e o que se conhece é a transcrição contida no Livro dos Forais depositado na Torre do Tombo.
A exposição apresenta peças cedidas pelo Museu de História Militar e por diversos municípios e o seu percurso foi construído de uma forma lúdica, pedagógica e atrativa.

COMENTE

Publicidade

Publicidade

media & meios

Newsletter

Mais Populares

Top