fbpx

Notícias Maia

“Acho que é legítimo que tenhamos aspirações de estar na 1ª divisão”

© Daniela Fonseca/Notícias Maia
Partilhas

O Maia Futsal Clube nasceu em 2017 e, com apenas 3 anos de existência, é já um dos 12 clubes em Portugal devidamente certificados como “Entidade Formadora” pela Federação Portuguesa de Futebol. O Notícias Maia foi conhecer o presidente Bruno Magalhães e compreender as aspirações do clube maiato.

Notícias Maia (NM): Como começou a escrever-se a história do Maia Futsal?

Bruno Magalhães (BM): A história confunde-se com a vontade e a paixão pela modalidade de 4 ou 5 elementos que foram os fundadores. Juntou-se a vontade à identificação da falha que era não existir uma equipa do “Maia” em futsal e nasceu o Maia Futsal Clube.

NM: Como é que se cresce assim em tão pouco tempo?

BM: São vários os motivos. Primeiro, é o facto de sermos Maia. “Maia” tem um peso histórico no desporto fruto do excelente trabalho que o município tem vindo a desenvolver ao longo dos anos. O nome traz-nos muita responsabilidade mas também nos projeta. Depois, tivemos sempre o cuidado de ter uma estrutura com pessoas competentes para nos dar o apoio necessário. O corpo técnico é devidamente formado e todos os nossos treinadores têm carteira profissional de treinador.

NM: Em que aspetos diria que o Maia Futsal Clube se demarca?

BM: Diria que tentamos comunicar de uma forma clara e direta. A abordagem com os pais faz diferença, aqui os pais envolvem-se muito. Nós fazemos o acompanhamento escolar e estamos sempre em contacto com os pais. Há toda uma máquina que faz com que as pessoas acreditem no projeto.

NM: Recentemente tiveram a 2ª edição do Maia International Futsal Cup e trouxeram, inclusive, o Inter Movistar. É para continuar?

BM: Sem dúvida. Este ano teve um relevo impressionante. Vamos tentar, no próximo ano, ser o melhor torneio a nível de formação do mundo. Pode parecer ambicioso mas não estamos longe disso.

NM: Quais são os principais objetivos do clube?

BM: O grande objetivo do clube é ter sucesso desportivo dando especial atenção à formação. Nenhum clube cresce e é sustentável se não tiver uma boa formação. Nestes 3 anos, nós tornámo-nos no clube com maior número de atletas inscritos na Associação de Futebol do Porto. Temos 186 atletas federados. São 14 plantéis federados. Há poucos atletas no clube que não são federados, e isso é porque são ainda muito novos.

NM: E chegar à Primeira Divisão?

BM: Certamente que sim. Posso dizer que o clube vai trabalhar para atingir, no mais curto espaço de tempo, os patamares nacionais nos escalões seniores. Toda a formação está a ser treinada para isso. Acho que é legítimo que tenhamos aspirações de estar na Primeira Divisão. Temos apenas que continuar o trabalho.

COMENTE

Publicidade

Publicidade

media & meios

Newsletter

Mais Populares

Top