No âmbito do projeto europeu Under Construction, no qual é parceiro, o CICCOPN – Centro de Formação Profissional da Indústria da Construção Civil e Obras Públicas do Norte, esteve em Fürth (Nuremberga), na Alemanha, para uma reunião que teve como objetivo definir as caraterísticas que, em sete profissões, destaquem uns técnicos dos outros com base no seu desempenho.

Esta é a segunda reunião deste género, tendo decorrido nos dias 16 e 17 de julho de 2019 e foi organizado pelo parceiro alemão “Institut für Lern-Innovation”. Após a identificação das características que distinguem os melhores profissionais, serão desenvolvidos módulos que possam ser lecionados, visando melhorar os seus desempenhos em ambiente de trabalho.

DS Crédito

O CICCOPN esteve representado nos trabalhos na Alemanha por dois colaboradores do Departamento Técnico, estando a trabalhar em específico a profissão de carpinteiro.

Rui Valente, diretor do CICCOPN, afirmou que “a instituição está a par das dificuldades sentidas pelas empresas em termos de mão de obra qualificada. Num momento em que o setor da Construção está em desenvolvimento (quer ao nível da construção nova, quer da reabilitação do edificado), o CICCOPN procura ajustar a sua oferta formativa às necessidades sentidas pelo tecido empresarial. A formação de jovens e adultos aposta na (re)qualificação de candidatos interessados em entrar no setor, garantindo-lhes as competências e os conhecimentos indispensáveis a um bom desempenho profissional”.

A base do projeto é a avaliação das necessidades, no intuito de verificar como as tendências atuais dos mercados de trabalho são moldadas pelo aumento da competitividade, exigindo assim atualizações rápidas das aptidões profissionais. Neste contexto, torna-se necessário providenciar as condições para essa qualificação, não só em profissões ditas ‘tradicionais’, mas também em profissões emergentes de evolução rápida.

O projeto propõe-se a criar uma diretriz de competências chave exigidas para profissionais de alto nível (profissionais de topo), em construção e habitat 4.0, um currículo de treino para cada um dos domínios profissionais abordados, uma plataforma de e-learning multilíngue para ministrar os cursos, um roteiro para a exploração e inclusão dos cursos nos sistemas de ensino, assim que tenham sido testados e validados.

O “Under Construction – Key Skills Making Top Professionals in Construction and Habitat 4.0” é uma Parceria Estratégica Erasmus+ no domínio da Educação e Formação Profissional. Aborda a melhoria das competências dos profissionais e estudantes em sete domínios: carpintaria, alvenaria, revestimentos de paredes e pavimentos, marcenaria, domótica, design e tecnologias e impressão 3D.

Atualmente, o CICCOPN tem cerca de 2 100 formandos, distribuídos entre a formação para jovens e para adultos que decorre nas suas instalações na Maia. Além disso, conta com cerca de 700 formandos em diversos pontos geográficos da sua área de intervenção, isto é, os nove distritos a norte do Mondego. Por ano, o CICCOPN realiza cerca de 40 000 horas de formação.

COMENTE

Aqui chegado…

...temos uma pequena mensagem para partilhar consigo. Cada vez mais pessoas lêem o NOTÍCIAS MAIA, jornal digital, líder de audiências. Ao contrário de outros órgãos de informação, optámos por não obrigar os leitores a pagarem para lerem as nossas notícias, mantendo o acesso à informação tão livre quanto possível. Por isso, como pode ver, precisamos do seu apoio.

Para podermos apresentar-lhe mais e melhor informação, que inclua mais reportagens e entrevistas e que utilize uma plataforma cada vez mais desenvolvida e outros meios, como o vídeo, precisamos da sua ajuda.

O NOTÍCIAS MAIA é um órgão de comunicação social independente (e sempre será). Isto é importante para podermos confrontar livremente todo e qualquer tipo de poder (político, económico ou religioso) sempre que necessário.

Achámos que, se cada pessoa que lê e gosta de ler o NOTÍCIAS MAIA, apoiar o futuro do nosso projeto, este será cada vez mais importante para o desenvolvimento da sociedade que partilhamos, a nível regional. Pela divulgação, partilha e fiscalização.

Assim, por tão pouco como 1€, você pode apoiar o NOTÍCIAS MAIA - e só demora um minuto. Obrigado.