Partilhas

A Frulact foi vendida ao fundo francês Ardian, dono da Ascendi, que detém a segunda maior rede de autoestradas nacionais. O valor do negócio não foi tornado público.

A empresa da Maia é um dos maiores fabricantes mundiais de preparados à base de fruta para a indústria alimentar. Neste momento, tem nove fábricas em cinco países (Portugal, Marrocos, França, África do Sul e Canadá) dando emprego a 750 trabalhadores.

Cozinca

O negócio foi fechado esta semana, e ditou o acordo de vender a portuguesa Frulact ao fundo francês Ardian, dono da Ascendi, que detém a segunda maior rede de autoestradas em Portugal, logo depois da Brisa. A Ascendi tem um total de 850 quilómetros de autoestradas nacionais e é, agora, um dos candidatos à compra de 80% do capital da Brisa.

Sobre a Frulact

A empresa Frulact foi fundada pela família Miranda há cerda de 30 anos. Possuí nove fábricas em cinco países e produz preparados de fruta e vegetais para laticínios, gelados, sobremesas, bebidas, aromatizantes e ingredientes alternativos à base de plantas. Mais de 95% da sua produção é exportada para mais de 40 países. É considerada uma das cinco maiores empresas mundiais no seu setor.

COMENTE

Aqui chegado…

...temos uma pequena mensagem para partilhar consigo. Cada vez mais pessoas lêem o NOTÍCIAS MAIA, jornal digital, líder de audiências. Ao contrário de outros órgãos de informação, optámos por não obrigar os leitores a pagarem para lerem as nossas notícias, mantendo o acesso à informação tão livre quanto possível. Por isso, como pode ver, precisamos do seu apoio.

Para podermos apresentar-lhe mais e melhor informação, que inclua mais reportagens e entrevistas e que utilize uma plataforma cada vez mais desenvolvida e outros meios, como o vídeo, precisamos da sua ajuda.

O NOTÍCIAS MAIA é um órgão de comunicação social independente (e sempre será). Isto é importante para podermos confrontar livremente todo e qualquer tipo de poder (político, económico ou religioso) sempre que necessário.

Achámos que, se cada pessoa que lê e gosta de ler o NOTÍCIAS MAIA, apoiar o futuro do nosso projeto, este será cada vez mais importante para o desenvolvimento da sociedade que partilhamos, a nível regional. Pela divulgação, partilha e fiscalização.

Assim, por tão pouco como 1€, você pode apoiar o NOTÍCIAS MAIA - e só demora um minuto. Obrigado.