Existe um urso pardo em estado selvagem a deambular por Portugal, confirmaram as autoridades portuguesas. Foi avistado no Parque Natural de Montesinho, em Bragança. A espécie era considerada extinta no país.

As suspeitas de que um urso pardo poderia estar em Portugal foram agora confirmadas: “A administração regional (de Castela e Leão) alertou para a presença deste urso às autoridades portuguesas, que finalmente confirmaram a sua descoberta”, sublinha em comunicado o governo regional de Castela e Leão, citado pela Lusa.

Ordem dos Advogados Maia

É a primeira vez, nos últimos dois séculos, que a presença de ursos pardos é avistada na região. O animal poderá pertencer à subpopulação ocidental da Cantábria, que tem cerca de 280 exemplares. A julgar pelos sinais detetados, poderá ser um adulto em dispersão, segundo o Serviço Territorial de Meio Ambiente de Zamora.

Os ursos pardos terão existido em todo o território nacional, mas o último registo de um animal desta espécie em Portugal, data de 1843 e terá sido abatido pela população no Gerês, de acordo com o livro “Urso Pardo em Portugal – Crónica de uma extinção”, de Paulo Caetano e Miguel Brandão Pimenta.

O urso-pardo é a segunda maior espécie de carnívoro do mundo, a seguir ao urso-polar.

COMENTE

Aqui chegado…

...temos uma pequena mensagem para partilhar consigo. Cada vez mais pessoas lêem o NOTÍCIAS MAIA, jornal digital, líder de audiências. Ao contrário de outros órgãos de informação, optámos por não obrigar os leitores a pagarem para lerem as nossas notícias, mantendo o acesso à informação tão livre quanto possível. Por isso, como pode ver, precisamos do seu apoio.

Para podermos apresentar-lhe mais e melhor informação, que inclua mais reportagens e entrevistas e que utilize uma plataforma cada vez mais desenvolvida e outros meios, como o vídeo, precisamos da sua ajuda.

O NOTÍCIAS MAIA é um órgão de comunicação social independente (e sempre será). Isto é importante para podermos confrontar livremente todo e qualquer tipo de poder (político, económico ou religioso) sempre que necessário.

Achámos que, se cada pessoa que lê e gosta de ler o NOTÍCIAS MAIA, apoiar o futuro do nosso projeto, este será cada vez mais importante para o desenvolvimento da sociedade que partilhamos, a nível regional. Pela divulgação, partilha e fiscalização.

Assim, por tão pouco como 1€, você pode apoiar o NOTÍCIAS MAIA - e só demora um minuto. Obrigado.