O hospital de “missão” montado no Super Bock Arena será desativado até ao final da semana tendo em conta que os hospitais do Porto voltaram a ter capacidade de internamento. Mas não será ainda desmontado para o caso de voltar a necessário.

Este hospital de campanha foi montado no Super Bock Arena (Pavilhão Rosa Mota) e está em funcionamento desde o dia 14 de março. Rui Moreira, à data da montagem deste hospital, referiu-se ao espaço um “hospital de missão” que teria como objetivo “tratar de muitos que, estando infetados com covid-19 e precisando de assistência hospitalar, dentro de dias, não terão lugar nos hospitais de Santo António e São João dada a afluência que se prevê para estas unidades”.

Ordem dos Advogados Maia

Tendo em conta o comportamento da evolução da pandemia e Covid-19 no Porto, o hospital será agora desativado até ao final desta semana. Segundo notícia publicada no Porto., “os hospitais do Porto voltaram a ganhar capacidade de internamento” não sendo necessário manter esta estrutura, pelo menos para já.

A pensar numa 2ª vaga da doença ou num grande número de pessoas internadas que lote os hospitais do concelho, a estrutura será mantida e estará pronta a ser reativada mantendo-se instalada até 31 de julho.

Neste mês em que esteve a funcionar, o hospital de “missão” recebeu cerca de três dezenas de doentes. Um número que corresponde a 20% da lotação do espaço. Os últimos doentes internados deverão ter alta até ao final desta semana sendo possível “encerrar” o espaço.

Porto cria “hospital de missão” para doentes Covid-19 no Super Bock Arena

COMENTE

Aqui chegado…

...temos uma pequena mensagem para partilhar consigo. Cada vez mais pessoas lêem o NOTÍCIAS MAIA, jornal digital, líder de audiências. Ao contrário de outros órgãos de informação, optámos por não obrigar os leitores a pagarem para lerem as nossas notícias, mantendo o acesso à informação tão livre quanto possível. Por isso, como pode ver, precisamos do seu apoio.

Para podermos apresentar-lhe mais e melhor informação, que inclua mais reportagens e entrevistas e que utilize uma plataforma cada vez mais desenvolvida e outros meios, como o vídeo, precisamos da sua ajuda.

O NOTÍCIAS MAIA é um órgão de comunicação social independente (e sempre será). Isto é importante para podermos confrontar livremente todo e qualquer tipo de poder (político, económico ou religioso) sempre que necessário.

Achámos que, se cada pessoa que lê e gosta de ler o NOTÍCIAS MAIA, apoiar o futuro do nosso projeto, este será cada vez mais importante para o desenvolvimento da sociedade que partilhamos, a nível regional. Pela divulgação, partilha e fiscalização.

Assim, por tão pouco como 1€, você pode apoiar o NOTÍCIAS MAIA - e só demora um minuto. Obrigado.