Partilhas

O líder do partido Chega afirmou na página de Facebook que Joacine Katar Moreira devia ser devolvida ao seu país. A Juventude Socialista do Federação do Porto, órgão distrital, repudiou as declarações de André Ventura, que considera como “um ataque vil e cobarde para com a colega deputada”.

Na passada terça-feira, dia 28 de janeiro, André Ventura, Deputado à Assembleia da República eleito pelo Partido Chega, reagiu a uma proposta do Livre, apresentada por Joacine Katar Moreira, para que o património das ex-colónias portuguesas que se encontre na posse das instituições nacionais, seja restituído às comunidades de onde provieram.

Notícias Maia

Em reação a esta proposta, André Ventura propôs que Joacine fosse “devolvida ao seu país de origem”.

A JS considera que esta declaração do Deputado comporta “um ataque vil e cobarde para com a colega deputada”, sendo “sintomático de um posicionamento, político e ideológico” que “é também inimigo do respeito dos princípios democráticos, consagrados na nossa Constituição e amplamente rececionados pela Sociedade Portuguesa”.

A Federação do Porto da Juventude Socialista declarou assim que “repudia totalmente todas as afrontas realizadas contra a dignidade e os direitos do próximo”, reafirmando “o seu compromisso de combate ao fascismo que André Ventura, de forma mais ou menos encapotada, representa”.

COMENTE

Aqui chegado…

...temos uma pequena mensagem para partilhar consigo. Cada vez mais pessoas lêem o NOTÍCIAS MAIA, jornal digital, líder de audiências. Ao contrário de outros órgãos de informação, optámos por não obrigar os leitores a pagarem para lerem as nossas notícias, mantendo o acesso à informação tão livre quanto possível. Por isso, como pode ver, precisamos do seu apoio.

Para podermos apresentar-lhe mais e melhor informação, que inclua mais reportagens e entrevistas e que utilize uma plataforma cada vez mais desenvolvida e outros meios, como o vídeo, precisamos da sua ajuda.

O NOTÍCIAS MAIA é um órgão de comunicação social independente (e sempre será). Isto é importante para podermos confrontar livremente todo e qualquer tipo de poder (político, económico ou religioso) sempre que necessário.

Achámos que, se cada pessoa que lê e gosta de ler o NOTÍCIAS MAIA, apoiar o futuro do nosso projeto, este será cada vez mais importante para o desenvolvimento da sociedade que partilhamos, a nível regional. Pela divulgação, partilha e fiscalização.

Assim, por tão pouco como 1€, você pode apoiar o NOTÍCIAS MAIA - e só demora um minuto. Obrigado.