A construtora tem em mãos projetos de oito milhões de euros na indústria. Um deles na Maia.

Dois grupos internacionais escolheram a Lucios para consolidar a sua presença em Portugal, com novas e maiores instalações. Os projetos das fábricas da Saint-Gobain, na Maia, e da Brintons, em Vouzela, reforçam a aposta da construtora no segmento industrial.

Ordem dos Advogados Maia

A multinacional Saint-Gobain, dedicada à produção de materiais inovadores, vai contar com a Lucios Engenharia e Construção para aumentar a sua capacidade produtiva no nosso país. O projeto da Saint-Gobain Abrasivos, a rondar os 5,3 milhões de euros, contempla a construção de raiz de uma nova unidade de produção dedicada aos produtos abrasivos, na Maia. 

Esta fábrica, cuja obra vai iniciar-se durante o mês de maio, terá 8 945 metros quadrados e capacidade para receber cerca de 200 trabalhadores. Este é um projeto “chave na mão”, em que a Lucios aplica o seu know how não só à construção, mas também à conceção e execução do projeto, de forma a permitir ao cliente que se foque apenas no seu negócio.

Já em curso está a ampliação de uma outra fábrica, propriedade da Brintons – Indústria de Alcatifas, Lda. Em Vouzela, as instalações desta empresa vão ser ampliadas, com uma unidade dedicada à tinturaria e fiação com capacidade para 60 postos de trabalho. O projeto levado a cabo pela Lucios tem um valor aproximado de 3 milhões de euros.

A empresa integra o Grupo Brintons Limited, dedicado à produção de alcatifas para os mais prestigiados locais, como palácios, hotéis, navios, casinos e aeroportos. Com mais de 230 anos de história, tem fábricas no Reino Unido, Polónia, Índia e Portugal.

Estes são dois exemplos da aposta da Lucios no setor industrial, que vem juntar-se à extensa carteira da construtura em projetos de habitação, hotelaria ou serviços. A Lucios tem reforçado a sua resposta às elevadas exigências técnicas e funcionais da indústria e adaptado as soluções apresentadas às especificidades de cada fábrica.

Empresa da Maia é responsável pela logística de três milhões de equipamentos de proteção individual

COMENTE

Aqui chegado…

...temos uma pequena mensagem para partilhar consigo. Cada vez mais pessoas lêem o NOTÍCIAS MAIA, jornal digital, líder de audiências. Ao contrário de outros órgãos de informação, optámos por não obrigar os leitores a pagarem para lerem as nossas notícias, mantendo o acesso à informação tão livre quanto possível. Por isso, como pode ver, precisamos do seu apoio.

Para podermos apresentar-lhe mais e melhor informação, que inclua mais reportagens e entrevistas e que utilize uma plataforma cada vez mais desenvolvida e outros meios, como o vídeo, precisamos da sua ajuda.

O NOTÍCIAS MAIA é um órgão de comunicação social independente (e sempre será). Isto é importante para podermos confrontar livremente todo e qualquer tipo de poder (político, económico ou religioso) sempre que necessário.

Achámos que, se cada pessoa que lê e gosta de ler o NOTÍCIAS MAIA, apoiar o futuro do nosso projeto, este será cada vez mais importante para o desenvolvimento da sociedade que partilhamos, a nível regional. Pela divulgação, partilha e fiscalização.

Assim, por tão pouco como 1€, você pode apoiar o NOTÍCIAS MAIA - e só demora um minuto. Obrigado.