Notícias Maia

Maia lança programa de férias para crianças com necessidades especiais

CBaviera_Maia
Partilhas

A Câmara Municipal da Maia aprovou em reunião de executivo, no passado dia 17 de dezembro, uma iniciativa voltada para as crianças com necessidades de saúde especiais, para quem não há respostas principalmente no período de férias, obrigando as famílias a abandonarem os seus trabalhos para cuidarem deles.

As férias escolares obrigam muitos pais a procurarem alternativas para manterem os filhos ocupados enquanto estão a trabalhar. Para alguns a dificuldade está na escolha. Para outros, o problema é a falta de opções.

As famílias cujas crianças apresentam múltiplos problemas de saúde, comprometedores do seu desenvolvimento global, são confrontadas com a inexistência de respostas ao nível da ocupação dos tempos livres dos seus educandos.

Cientes desta lacuna e uma vez que a Câmara Municipal da Maia é, já, promotora de Atividades de Apoio à Família juntos das crianças que frequentam as escolas da rede pública, a autarquia entendeu por bem lançar o Programa Férias com Sendido(s), que tem como objetivo principal permitir que as famílias das crianças com necessidades de saúde especiais possam, igualmente, manter as suas ocupações diárias ao mesmo tempo que é proporcionado às crianças atividades diversas, promotoras do equilíbrio físico, psicológico e social.

A iniciativa incide em crianças que apresentam diversas problemáticas, desde paralisia cerebral, perturbação do espetro do autismo, multideficiência, doença metabólica, etc.

Com o intuito de proporcionar o contacto com pessoas e espaços diferentes, quebrando a rotina, o Programa Ferias com Sentido(s) será desenvolvido fora do espaço escola e contempla atividades como cinoterapia, musicoterapia, atividades diversas com cavalos, pintura criativa, desporto adaptado, sessões de cinema, teatro, concertos, circo, Zoo da Maia ou atividades em parques temáticos.

O Programa Férias com Sentido(s) vai repetir-se nas férias da Páscoa e nas férias de verão, durante o mês de Junho e Julho.

Mas a Câmara Municipal da Maia, segundo a Vereadora Emília Santos, quer ir mais longe e a partir de Janeiro de 2019, estas crianças vão beneficiar de um programa de atividades durante o período curricular, que incluem a natação, terapia assistida por cavalos e musicoterapia.

O objetivo é promover medidas adicionais de suporte à aprendizagem e à equidade na educação, impulsionando o potencial de cada aluno.

Contactada pelo Notícias Maia, a Vereadora com a pasta da Educação e Ciência e também da Saúde, Emília Santos, referiu que o objetivo da autarquia é ser “promotora de medidas adicionais de suporte à aprendizagem e à equidade na educação, impulsionando o potencial de cada aluno”, sublinhando que a população alvo são “as crianças que estão nos Centros de Apoio à Aprendizagem das Escolas do 1º Ciclo do Ensino Básico da Rede Pública do Conselho da Maia”.

“A grande missão é contribuir para o desenvolvimento global dos alunos, promovendo um trabalho terapêutico específico dirigido às suas áreas mais sensíveis, por forma a aumentar o seu potencial. Por outro lado, o dever de proceder à articulação adequada com os professores e terapeutas, com vista à promoção de um trabalho convergente e centrado nas necessidades e características das crianças”, referiu a autarca.

Emília Santos sublinhou ainda que a Maia pretende “ao mesmo tempo, apoiar as famílias que, muitas das vezes, não conseguem encaixar no seu orçamento familiar as terapias necessárias para a promoção do bem-estar e desenvolvimento das crianças durante o ano”.

A iniciativa conta com um investimento de aproximadamente 25.000.00 euros, ao que acresce as despesas com transportes uma vez que é a é a Câmara Municipal que garante o transporte das crianças para as diferentes atividades.

COMENTE

Publicidade

Publicidade

media & meios

Newsletter

Mais Populares

Top