Uma senhora entregou a carteira na morada da casa dos pais do cantor, depois de ter percebido que o seu cão a trazia na boca. Apesar do artista ter vivido na Maia, o episódio não aconteceu no concelho.

Miguel Araújo usou as redes sociais para partilhar uma história no mínimo insólita. O artista revela que lhe foi devolvida uma carteira que perdeu há mais de duas décadas, e que foi um cão que a encontrou. Apesar do artista ter vivido na Maia, o NOTÍCIAS MAIA confirmou que o episódio não aconteceu no concelho.

Leonidas

“Faz hoje oito dias que uma simpática cidadã tocou à campainha de casa dos meus pais para devolver uma carteira que lhe apareceu na boca do cão”, começa por contar.

“Eu tinha perdido essa carteira em 1999. No século passado. A senhora tocou na morada que vinha num dos cartões. 22 anos depois. Cartões impecáveis, um deles em papel, em cartão, escrito a esferográfica. Como se fosse ontem”, continua.

“É, há coisas que se evaporam. Esta carteira desevaporou, cristalizada no tempo, 22 anos depois. (…) Como é que é possível? Por onde terá andado a carteira?”, questiona por fim.

Aqui chegado…

...temos uma pequena mensagem para partilhar consigo. Cada vez mais pessoas leem o NOTÍCIAS MAIA, jornal digital, líder de audiências. Ao contrário de outros órgãos de informação, optámos por não obrigar os leitores a pagarem para lerem as nossas notícias, mantendo o acesso à informação tão livre quanto possível. Por isso, como pode ver, precisamos do seu apoio.

Para podermos apresentar-lhe mais e melhor informação, que inclua mais reportagens e entrevistas e que utilize uma plataforma cada vez mais desenvolvida e outros meios, como o vídeo, precisamos da sua ajuda.

O NOTÍCIAS MAIA é um órgão de comunicação social independente (e sempre será). Isto é importante para podermos confrontar livremente todo e qualquer tipo de poder (político, económico ou religioso) sempre que necessário.

Achámos que, se cada pessoa que lê e gosta de ler o NOTÍCIAS MAIA, apoiar o futuro do nosso projeto, este será cada vez mais importante para o desenvolvimento da sociedade que partilhamos, a nível regional. Pela divulgação, partilha e fiscalização.

Assim, por tão pouco como 1€, você pode apoiar o NOTÍCIAS MAIA - e só demora um minuto. Obrigado.