Notícias Maia

Pena suspensa para assistente social que maltratava crianças na Maia

©DR
Partilhas

A mulher foi condenada a três anos e meio de prisão, em pena suspensa, e ao pagamento de 2 mil euros de indemnização a cada uma das sete crianças.

Segundo o Ministério Público, as crianças eram agredidas, insultadas, alvo de tratamentos humilhantes e não tinham cuidados de saúde. A pena de três anos e meio de prisão, suspensa, foi decretada, esta quarta-feira, pelo Tribunal de Matosinhos.

A mulher, de 46 anos, ex-diretora técnica e assistente social de um centro de acolhimento na Maia foi acusada de maus-tratos a outras crianças mas apenas sete foram comprovados.

As agressões em causa aconteceram entre 2007 e 2015 e as crianças, com idades compreendidas entre meses de vida e os 10 anos, tinham sido retiradas às famílias e estavam à guarda da instituição onde trabalhava a mulher. Tratava-se de um centro de acolhimento temporário de “A Causa da Criança – Associação de Proteção à Infância e Juventude”.

Ainda segundo a acusação do Ministério Público, a técnica em causa submetia as crianças a um “tratamento desrespeitoso, atingindo a sua saúde física e mental, personalidade, autoestima e dignidade e expondo-as a um ambiente de terror psicológico, violência e agressividade”.

A defesa disse à agência Lusa que está a ponderar se vai recorrer da decisão.

COMENTE

Aqui chegado…

...temos uma pequena mensagem para partilhar consigo. Cada vez mais pessoas lêem o NOTÍCIAS MAIA, jornal digital, líder de audiências. Ao contrário de outros órgãos de informação, optámos por não obrigar os leitores a pagarem para lerem as nossas notícias, mantendo o acesso à informação tão livre quanto possível. Por isso, como pode ver, precisamos do seu apoio.

Para podermos apresentar-lhe mais e melhor informação, que inclua mais reportagens e entrevistas e que utilize uma plataforma cada vez mais desenvolvida e outros meios, como o vídeo, precisamos da sua ajuda.

O NOTÍCIAS MAIA é um órgão de comunicação social independente (e sempre será). Isto é importante para podermos confrontar livremente todo e qualquer tipo de poder (político, económico ou religioso) sempre que necessário.

Achámos que, se cada pessoa que lê e gosta de ler o NOTÍCIAS MAIA, apoiar o futuro do nosso projeto, este será cada vez mais importante para o desenvolvimento da sociedade que partilhamos, a nível regional. Pela divulgação, partilha e fiscalização.

Assim, por tão pouco como 1€, você pode apoiar o NOTÍCIAS MAIA - e só demora um minuto. Obrigado.

Publicidade

Publicidade

media & meios

Newsletter

Top