A antiga Nacional 13 vai ser cortada nos dois sentidos a partir das 13 horas de hoje, para proceder aos trabalhos de reabilitação e colocação da conduta hidráulica. “As obras terão uma duração de 30 dias”, segundo informação avançada pela Câmara da Maia.

A autarquia refere que “na sequência do aluimento do piso da antiga Nacional 13 junto ao nó da A41, o corte de trânsito no sentido Norte/Sul será feito a partir das 13 horas de hoje”, e “a obra terá uma duração de 30 dias”.

DS Crédito

“Esta dilatação do prazo deve-se à necessidade de colocação da conduta em betão armado reforçado, à posterior compactação e estabilização do solo e pavimentação definitiva”, segundo a Câmara Municipal da Maia.

Na informação enviada à redação, o trânsito no sentido Norte/Sul será desviado pela Rua da Ponte de Moreira até à ETAR da Ponte de Moreira. No sentido Sul/Norte, o trânsito continua a ser desviado pela A41, tendo a Câmara conseguido a suspensão da portagem.

Rutura de uma tubagem metálica provocou aluimento

“Aquando da construção do IC24, atual A41, há 30 anos, foi utilizada uma conduta em chapa de aço não oxidável (tipo Armaco) para conduzir a linha de água existente no local. Em alguns locais, esta conduta cedeu por envelhecimento, tendo provocado o seu abatimento. A água continuou a correr e foi arrastando os solos. A este problema, acresce a grande pressão a que o piso é sujeito com uma sobrecarga de veículos, que fogem da coroa de autoestradas portajadas”, explicou a autarquia.

Uma situação idêntica, ocorreu no piso da própria A41, em Alfena, Valongo, que provocou a interdição da autoestrada durante três meses.

A Câmara adiantou ainda que a solução que “vai colocar no terreno é mais resistente e duradoura, canalizando a linha de água por uma conduta de betão armado reforçado com cerca de 2 metros de diâmetro”.

EN13: Ascendi isenta utilizadores da A41 do pagamento dos pórticos

 

COMENTE

Aqui chegado…

...temos uma pequena mensagem para partilhar consigo. Cada vez mais pessoas lêem o NOTÍCIAS MAIA, jornal digital, líder de audiências. Ao contrário de outros órgãos de informação, optámos por não obrigar os leitores a pagarem para lerem as nossas notícias, mantendo o acesso à informação tão livre quanto possível. Por isso, como pode ver, precisamos do seu apoio.

Para podermos apresentar-lhe mais e melhor informação, que inclua mais reportagens e entrevistas e que utilize uma plataforma cada vez mais desenvolvida e outros meios, como o vídeo, precisamos da sua ajuda.

O NOTÍCIAS MAIA é um órgão de comunicação social independente (e sempre será). Isto é importante para podermos confrontar livremente todo e qualquer tipo de poder (político, económico ou religioso) sempre que necessário.

Achámos que, se cada pessoa que lê e gosta de ler o NOTÍCIAS MAIA, apoiar o futuro do nosso projeto, este será cada vez mais importante para o desenvolvimento da sociedade que partilhamos, a nível regional. Pela divulgação, partilha e fiscalização.

Assim, por tão pouco como 1€, você pode apoiar o NOTÍCIAS MAIA - e só demora um minuto. Obrigado.